Está aqui

Energia

Alentejo: nestes postos não faltará combustível

Quase a ter início a tão falada greve dos camionistas e sem uma solução à vista, há postos no Alentejo onde não faltará combustível.

Estes postos são da Rede Estratégica de Postos de Abastecimento (REPA). No total do nacional são 325 postos, mais 16 que o decretado na greve anterior. Há 56 postos só para viaturas prioritárias.

Estes são dados da Entidade Nacional para o Setor Energético (ENSE) e que prevê para o Alentejo 27 postos de abastecimento: 22 para veículos em geral e 5 para veículos prioritários - dois postos nos distritos de Beja e Évora e um em Portalegre.

Alandroal - central solar custa 13 milhões de euros e começa a produzir em 2020

O investimento de 13 milhões de euros da nova central solar no Alandroal vai começar a dar retorno já em 2020, quando começar a produzir energia. O lançamento da primeira pedra será amanhã, quarta-feira.

A ser construída na Herdade do Pego da Moura, numa área superior a 30 hectares, a Central Solar do Freixial, terá uma capacidade instalada pico de 18,5 megawatts e vai “equilibrar” os consumos anuais do concelho e contribuir para a sustentabilidade.

EDP constrói central na Califórnia com tecnologia testada no alentejano

É com um toque alentejano que a EDP vai construir na Califórnia, nos Estados Unidos, uma central solar de 100 megawatts e com um sistema de baterias de 30 megawatts.

O contrato do “Sonrisa Solar Park” prevê ainda a venda dessa energia durante 20 anos e é inovador porque, pela primeira vez, está acoplado a um sistema de larga escala de armazenamento de energia em baterias.

EDP testa sistema revolucionário em Évora

Há um sistema revolucionário na Energia que a EDP vai testar no Alentejo, mais concretamente na aldeia de Valverde, em Évora.

A juntar-se à localidade alentejana . Onde serão 40 as casas em teste – estarão outra localidades nacionais como Alcochete, Caldas da Rainha, Valverde e Mafra, num total de 214 casas.

Este projeto está a ser coordenado por investigadores do Porto e pela EDP e que, já este mês, procurarão soluções que visam auxiliar os consumidores a melhorarem a eficiência energética dos seus eletrodomésticos.

Porto de Sines volta a bater recorde

Já este ano de 2019, o porto de Sines voltou a bater um recorde, desta feita o do seu recorde diário de regaseificação de GNL.

De acordo com informações da britânica S&P Global Platts Analytics, o Porto de Sines bateu o recorde diário de regaseificação, tendo o porto alentejano contado 19 milhões de metros cúbicos de regaseificação de gás natural liquefeito a 15 de março, batendo um recorde que datava de janeiro passado.

João Galamba visita minas de Aljustrel

O Secretário de Estado da Energia, João Galamba, vai estar em Aljustrel, na próxima segunda, dia 11, para uma visita ao Centro de Estudos Geológicos e Mineiros do Alentejo e a zona de reabilitação ambiental da antiga mina de Algares.

Do programa constam uma visita ao Bairro da Vale d´Oca, pelas 14h30 e ao Parque Mineiro de Aljustrel, pelas 16h30.

 

Imagem de cdn1.newsplex.pt

Campo Maior já exporta gás natural

No passado mês de janeiro, o Sistema Nacional de Gás Natural exportou, pela primeira vez, gás natural pela interligação de Campo Maior, como revelou a REN (Redes Energéticas Nacionais).

Esta ligação existe há cerca de 22 anos, mas só agora a vila alentejana a viu ser usada para exportar gás natural para Espanha e, no dia 10 de janeiro, o fluxo total de gás para abastecimento do sistema espanhol foi de perto de um milhão de metros cúbicos.

Iluminação LED chega a Ourique

Serão 311 focos de iluminação pública do concelho de Ourique – em Ourique, Panóias, Garvão e Funcheira - que serão substituídas por tecnologia LED.

A iniciativa surge pela mão da Câmara de Ourique e resulta de uma parceria entre a autarquia e a empresa EDP Distribuição.

O objetivo da autarquia é a valorização do espaço público e uma maior eficiência energética e o projeto surge numa estratégia da autarquia "através de receitas próprias ou com fundos comunitários, de desenvolver o concelho e valorizar o território".

 

Imagem de pplware.sapo.pt

 

Ourique: alemães compram uma das maiores centrais solares portuguesas

Inaugurada há três meses, a central Ourika, foi comprada pela Allianz e representa o primeiro investimento empresa da alemã em energia solar em Portugal.

Com 46 megawatts (MW) de potência, a central fotovoltaica Ourika, em Ourique, é uma das maiores centrais solares em operação em Portugal, a par da central da Amareleja.

Não tendo sido referido o valor da aquisição, foi também assinado um contrato de longo prazo, a vinte anos, para a venda da energia produzida.

Fazer de Ponte de Sor o "Silicon Valley” alentejano

 Fazer de Ponte de Sor o "Silicon Valley”alentejano é a vontade Rui Rodrigues, CEO da BeON Energy, empresa que criou um painel solar que se pode ligar a uma tomada elétrica como um qualquer eletrodoméstico.

Páginas