Está aqui

Educação

Brexit explicado em escolas alentejanas

Há muito que se fala em Brexit. Muito mais se irá falar. Mas o que é realmente o Brexit?

Esta pergunta requereria uma explicação generalizada a grande parte da população e é isso que o Centro de Informação Europe Direct Alto Alentejo, do Instituto Politécnico de Portalegre, vai fazer a alunos de diversas Escolas Secundárias do distrito de Portalegre.

Estas ações de esclarecimento sobre o Brexit têm por objetivo contribuir para o esclarecimento e promoção de uma cidadania europeia mais cativa e na qual os jovens têm um importante papel.

Viana do Alentejo combate insucesso escolar com tablets

O município de Viana do Alentejo delineou um plano de combate ao insucesso escolar e que passa pelo recurso às novas tecnologias. O projeto de combate ao insucesso escolar chama-se “5 Estrelas” e tem uma mascote, o Edu.

Um ponto alto deste projeto foi a entrega de tablets, pelo presidente Bengalinha Pinto, e pelos vereadores João Pereira e Paulo Manzoupo, a alunos do pré-escolar e 1º ciclo do concelho.

O Jogo Tradicional Alentejano como mudança de paradigma pedagógico em contexto educativo

“Estamos numa situação caótica. As nossas crianças estão fechadas, amarradas, em casa, não têm liberdade de ação, não vão a pé para a escola, não brincam na rua. Estamos a viver uma situação insustentável, o que designo por sedentarismo infantil”

Carlos Neto

A importância dos afetos na relação professor-aluno em Moura

O Cine-teatro Caridade, em Moura, acolhe no próximo dia 24 de outubro a conferência nacional “Quero Ouvir os Prós da Educação: A Importância dos Afetos na relação professor-aluno”.

Promovida pelo ComParte, esta é uma iniciativa do ciclo de conferências de lançamento do caderno "O início de muitas soluções: conhecermo-nos". Prós da Educação (jovens alunos e alunas) partilham, na primeira pessoa, o impacto que a relação professor-aluno tem na aprendizagem e ainda ideias e recomendações para transformar e reparar essas relações.

Viana do Alentejo abre candidaturas para bolsas de estudo a estudantes do superior

O Município de Viana do Alentejo abriu hoje as candidaturas para atribuição de bolsas de estudo aos alunos do concelho que frequentam o ensino superior.  Estas candidaturas decorrem até 30 de outubro. No ano letivo 2018/2019 foram apoiados 44 estudantes com a Bolsa de Estudo por Carência Económica, que visa apoiar os alunos no início e prosseguimento dos estudos, que comprovem ter dificuldades económicas e tenham aproveitamento escolar.

Alcácer do Sal abre candidaturas para 20 bolsas a estudantes do superior

A Câmara Municipal de Alcácer do Sal vai atribuir 20 bolsas de estudo para estudantes do ensino superior no presente ano letivo.

Alcácer oferece cadernos de atividades, material escolar e mochilas a alunos do 1º ciclo

O Município de Alcácer do Sal está a oferecer este ano os cadernos de atividades e mochilas aos alunos do 1º ciclo do ensino básico, num investimento por parte da autarquia que ascende aos 15 mil euros. A este acresce o montante de 10 mil euros em vales para oferta de material escolar a alunos do 1º ciclo do ensino básico e do ensino pré-escolar do concelho.

Alcácer do Sal alarga o pagamento total dos passes escolares dos alunos do Secundário

A Câmara Municipal de Alcácer do Sal aprovou uma proposta que viabiliza a comparticipação total, no ano letivo de 2019/2020, na totalidade do passe escolar dos alunos do ensino secundário com idade até aos 18 anos que residam a mais de três quilómetros da Escola Secundária de Alcácer do Sal.

Esta medida, segundo aquele município alentejano visa "diminuir os encargos para as famílias, que podem ser determinantes no abandono escolar precoce por parte dos alunos".

Um novo ano, o mesmo problema

Esta semana saíram as colocações no Ensino Superior. Com o conhecimento da Universidade em que ingressaram, muitos estudantes enfrentam agora o desafio de encontrar um quarto ou uma casa na cidade em que ficaram colocados.

Com o elevado preço das rendas e as escassas condições oferecidas a escolha fica ainda mais difícil para estes estudantes e para os seus mais que, em grande parte dos casos, são os responsáveis pelo suporte destas despesas.

Em cidades como Lisboa, chegam-se a pedir 500 euros por um T0.

Em Évora corre-se por quem precisa e todos podem ajudar

Será já na próxima sexta-feira, dia 30 de agosto que, em Évora, se vai voltar a correr por quem precisa com uma corrida de 10 quilómetros e uma caminhada de pouco mais de 5 kms.

Promovida pelo ultramaratonista portalegrense e residente em Évora, João Artur Tomaz, este ano a corrida reverte a favor de “O Casulo - Associação de Desenvolvimento Sociocultural Évora”.

A concentração está marcada para as 21h, na Praça de Giraldo, e não tem qualquer carácter competitivo.

Páginas