Está aqui

EDIA - Empresa de Desenvolvimento e Infraestruturas do Alqueva

Alqueva está “longe de esgotar o seu potencial”

José Pedro Salema, presidente do Conselho de Administração da EDIA – Empresa de Desenvolvimento e Infraestruturas do Alqueva, defendeu, na última conferência do ciclo “Conhecer para Decidir, Planear para Agir”, que a água disponibilizada pelo sistema tem sido utilizada com técnicas eficazes, permitindo recordes de produção, mas está ainda longe do seu potencial.

Parque Fluvial de 5 Réis alvo de intervenções de 150 mil euros

O Parque Fluvial de 5 Réis está a ser alvo de intervenções que irão decorrer durante os meses de abril e de maio, no valor de 150 mil euros, avança a Rádio Pax.

As obras incluem recargas de areia para o espaço, assim como colocação de pedra branca nas laterias de terra dos caminhos de acesso ao apoio de praia, execução de pontos de drenagem de águas junto do apoio de praia e do novo módulo de WCs, colocação de novo módulo de WCs, ampliação da cozinha do apoio de praia, fecho de 1/3 da esplanada para em “épocas baixas” se estar em espaço interior, e ainda recolocação de árvores.

Alqueva tem praticamente a mesma quantidade de água que Espanha

As chuvas de fevereiro encheram de tal forma o Alqueva, que há praticamente a mesma quantidade de água que os espanhóis conseguiram armazenar no seu lado da bacia do Guadiana, avança o Público.

A 22 de março, o balanço apresentado pela Confederación Hidrográfica del Guadiana (CHG) contabiliza que a soma do volume de água existente nas 34 barragens instaladas em território espanhol atingia os 3884 milhões de metros cúbicos, quando podem receber 9438 milhões de metros cúbicos de água.

Instituições e escolas do Alentejo recebem computadores

A Empresa de Desenvolvimento e Infraestruturas do Alqueva (EDIA) distribuiu 64 computadores por 9 instituições de solidariedade e escolas do Alentejo nos últimos meses, adianta o portal Sul Informação.

Em comunicado, a EDIA refere que os 64 computados foram distribuídos pela CERCI Beja, Associação Carpe Diem, Fundação Manuel Geraldes Sousa e Castro, Centro Infantil da Santa Casa da Misericórdia de Beja, Centro Infantil Bougainvillia, Associação de Pais da Escola Mário Beirão, Escola Secundária D. Manuel I e Cáritas Paroquial de São João Batista.

Barragem do Alqueva próxima de encher pela quinta vez

A Barragem do Alqueva está próxima de alcançar o quinto enchimento pleno da sua história, atingindo o armazenamento de 4150 hectómetros cúbicos (hm3) de água, à cota de 152 metros, adianta o Jornal de Notícias.

A informação foi revelada pela Empresa de Desenvolvimento e Infraestruturas de Alqueva (EDIA), cujos dados avançam que, esta terça-feira, o maior lago artificial da Europa, com uma área de 250 quilómetros e 1160 quilómetros de margens, armazenava 3309 hm3 (1 hm3 equivale a 1 000 000 000 litros) e estava à cota de 148,17 metros e com 79,73% da sua capacidade máxima.

Ministra da Agricultura em guerra às alterações climáticas

A Ministra da Agricultura, Maria do Céu Antunes, revelou que quer que sejam realizadas práticas sustentáveis de produção na agricultura e contribuir assim para travar as alterações climáticas.

A ministra falava, na videoconferência "Viver o Clima no Baixo Alentejo", uma iniciativa da Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo (CIMBAL), nume parceria com a Empresa de Desenvolvimento e Infraestruturas do Alqueva (EDIA).

Baixo Alentejo integra projeto para combater alterações climáticas

A Empresa do Desenvolvimento e Infraestruturas do Alqueva (EDIA), em parceria com a Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo (CIMBAL), vai implementar um projeto de combate às alterações climáticas que vai ser desenvolvido em oito concelhos do distrito de Beja.

O projeto, intitulado “Viver o Clima no Baixo Alentejo”, integra o Plano Intermunicipal de Adaptação às Alterações Climáticas do Baixo Alentejo (PIAACBA) da CIMBAL e vai decorrer ao longo do ano.

Albufeira do Alqueva apenas com 59% da capacidade máxima

Nos últimos quatro anos, a albufeira do Alqueva registou afluências abaixo da média devido à seca, o que, combinado com a água evaporada e extraída, fez baixar o volume armazenado, que está com 59% da capacidade máxima.

EDIA com terreno para arrendamento

São 184 parcelas de terreno que a Empresa de Desenvolvimento e Infraestruturas do Alqueva (EDIA) tem disponíveis para arrendamento.

Estas parcelas de terreno localizam-se nos concelhos de Alandroal, Aljustrel, Alvito, Beja, Cuba, Évora, Ferreira do Alentejo, Moura, Mourão, Portel, Reguengos de Monsaraz, Serpa e Vidigueira, podendo consultar os dados das parcelas e no site da EDIA ou na sua sede em Beja, nas Câmaras Municipais ou Juntas de Freguesia e respetivas.

EDIA atribui prémios pela salvaguarda do meio ambiente

Já foram premiadas as boas práticas no uso eficiente da água, do solo e conservação da biodiversidade em Alqueva nesta primeira edição dos prémios “Mais Alqueva, Mais Valor”.

Estes prémios - uma iniciativa financiada pelo Fundo Ambiental e desenvolvido em parceria pela EDIA, pela CONSULAI e pela Universidade de Évora - nasce para distinguir projetos, na área de influência do Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva que implementem um conjunto de boas práticas relacionadas com o uso eficiente da água, do solo e a conservação da biodiversidade.

Páginas