Está aqui

CIMAA

RICARDO PINHEIRO ELEITO PRESIDENTE DA COMUNIDADE INTERMUNICIPAL DO ALTO ALENTEJO

Ricardo Pinheiro, presidente da Câmara Municipal de Campo Maior eleitos pelo PS, foi ontem eleito presidente da Comunidade Intermunicipal do Alto Alentejo (CIMAA). 

O PS conquistou nas últimas eleições autárquicas 8 câmaras do distrito de Portalegre, o PSD 4 e a CDU 2, sendo que o Movimento Independente (CLIP) mantém a Câmara de Portalegre.

Os presidentes das câmaras municipais de Fronteira, Rogério Silva, do PSD, e de Monforte, Gonçalo Lagem, da CDU, foram eleitos vice-presidentes da CIMAA.

REDE ALENTEJO FEEL NATURE PREMIADA

Na passada semana, em Setúbal, o projeto Rede Alentejo Feel Nature - Percursos Natureza - da responsabilidade da Comunidade Intermunicipal do Alto Alentejo – CIMAA – foi galardoado com o segundo prémio Natural.PT Awards 2016.

O projeto “Feel Nature” desenvolve-se em redor da valorização e promoção do turismo de natureza, bem como da proteção da mesma.

ALENTEJO VAI SER REGIÃO?

As quatro Comunidades Intermunicipais do Alentejo estão juntas na AMAlentejo, o movimento alentejano que defende a regionalização da região e que está a preparar o Congresso "Mais Poder Local, Mais Democracia, Melhor Alentejo", a decorrer a 2 Abril em Tróia.
 
O Movimento vai debater em Congresso as autarquias locais como agentes de desenvolvimento, defender a implementação das regiões administrativas e apresentar exemplos das vantagens da Regionalização em vários países da Europa.

ORA AQUI ESTÁ UM FESTIVAL À MEDIDA DO SEU RITMO

Walking não é só andar. Nem nenhuma série insólita de televisão.

Quer dizer walking é andar mas é mais que isso. É andar por determinados percursos que acrescentam ao ato mecânico de andar, o prazer da contemplação, do esforço da superação, da reflexão que é permitida ao caminhante ou caminheiro e da companhia, se for acompanhado, claro.

Hoje o acto de andar pela natureza junta uma legião internacional de praticantes e os países e as regiões tratam de valorizar os recursos naturais que possuem para atrair gente que faz turismo, que gosta de andar, ou ambas.

Nisa: Município reduz fatura energética em mais de 30 mil euros

O município de Nisa informou em comunicado de imprensa ter em 2014 reduzido o consumo de energia elétrica em cerca de 289099 KWh, o que se traduziu numa diminuição de 32946€, face ao valor de 2013 apesar do aumento das tarifas. Esta redução evitou a emissão de 135,9 toneladas de CO2 para a atmosfera.