Está aqui

ciência

A GUERRA DO FOGO – O DEBATE NACIONAL FAZ-SE EM ESTREMOZ

Portugal continental é um território de grande densidade florestal, e os incêndios florestais são sempre um dos riscos mais sérios para a integridade territorial e também para a segurança dos cidadãos.

Este ano de 2017 tem sido um ano negro no que a incêndios diz respeito: em dez meses arderam 418.000 hectares de floresta, ou seja, 4,5 por cento do território nacional, e houve lugar também a perda de dezenas de vidas humanas. Na hora de combater este flagelo, a Ciência pode ter algumas soluções e pode ajudar a garantir o reequilíbrio da floresta e a sua sustentabilidade.

PORTO DE SINES INOVA E PODE ACOLHER CENTRO DE TESTES

Tem sido um dos portos europeus que maior crescimento tem mostrado nos últimos anos e o Porto de Sines é mesmo um dos 15 melhores da Europa, tendo os seus números vindo a crescer de modo muito satisfatório.

Agora, o Porto de Sines vai mais longe e pretende inovar instalando centro de testes no mar com e que visa testar tecnologias relacionadas com o offshore, mais concretamente com as energias renováveis oceânicas provenientes das ondas e do vento, mas também a aquacultura.

PÔR OU NÃO FIM À VIDA? EIS A QUESTÃO

Será esta a pergunta base para a discussão de um tema tão importante, quanto sensível, como a eutanásia.

Deste modo, quanto mais amplo for o debate, mais informação e melhor decisão. Assim, o  Conselho Nacional de Ética para as Ciências da Vida irá levar a efeito uma sessão do Ciclo de Debates “Decidir sobre o final da Vida”  – Sessão “Filósofos” e que decorrerá no próximo dia 10 de outubro, das 17h00 às 19h30, no Colégio do Espírito Santo da Universidade de Évora.

A PARTÍCULA DE DEUS ESTEVE EM ÉVORA

Fora da comunidade científica, é chamada a partícula de Deus por ser esta a partícula que permite que as demais possuam diferentes massas. Terá surgido com o Big-Bang e o nome científico é bosão de Higgs. Em padrão científico, o bosão de Higgs é uma partícula elementar bosónica e que representa a chave para explicar a origem da massa de todas as outras partículas elementares, ou seja, sem ela, nenhuma das partículas elementares teria massa, e o mundo não poderia ser como é.

O que que é isto tem a ver com Évora e o Alentejo?

A FESTA DAS ESTRELAS É NO ALQUEVA

No próximo fim de semana, a 21 e 22 de julho, vai realizar-se a VI Dark Sky® Party Alqueva, junto ao Lago Alqueva, no Ancoradouro e Parque de Merendas do Campinho, concelho de Reguengos de Monsaraz, e vem cheia de novidades.

A abrir, às 21h de 21 de julho, uma palestra dedicada às “Férias no Sistema Solar”, a cargo do Investigador Pedro Machado do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço, e onde será feita uma viagem pelo Sistema Solar.

CIENTISTAS EM AÇÃO EM ESTREMOZ

Terminou este fim de semana, em Estremoz, o Congresso Nacional "Cientistas em Ação" e que envolveu perto de 250 alunos dos ensinos básico e secundário e professores – de 25 escolas nacionais – e que apresentaram 35 projetos científicos e partilharam ideias.

"CAÇA" ÀS BORBOLETAS EM AVIS

O Município de Avis e o Tagis - Centro de Conservação das Borboletas de Portugal, vão realizar um percurso pedestre de “Observação, Registo e Identificação da Diversidade de Insetos”.

A iniciativa decorre a 14 de abril, em Avis, a partir das 10h e se é um interessado deste mundo, pode juntar-se ao grupo no Circuito de Manutenção local.

ALENTEJO DISCUTE ORÇAMENTO PARTICIPATIVO NA CIÊNCIA

Será realizada no Alentejo, em Estremoz, uma sessão Preparatória de discussão no âmbito Orçamento Participativo Portugal, na área da Ciência, e que contará com a Secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Maria Fernanda Rollo e da Reitora da Universidade de Évora, Ana Maria Costa Freitas.

O Orçamento Participativo Portugal é um processo democrático, direto e universal, através do qual as pessoas decidem sobre investimentos públicos em diferentes áreas de governação. Através do OPP as pessoas podem decidir como investir 3 milhões de euros.

ESPECIALISTAS EM PSICOLOGIA AMBIENTAL REÚNEM EM ÉVORA

Especialistas em Psicologia Ambiental vão reunir-se em Évora para o XIV Congresso de Psicologia Ambiental, o PSICAMB 2017, de 21 a 24 de junho.

Com a Universidade de Évora como anfitriã deste congresso, o mote será “Espaços e Comportamento Humano: do local ao global” e a realização deste evento no Alentejo, o segundo em território nacional, servirá para dinamizar a investigação em psicologia ambiental no nosso país e promover a interação com especialistas de países vizinhos e de países de língua oficial portuguesa, nomeadamente o Brasil.

ARTE E CULTURA COM ERVAS AROMÁTICAS E MEDICINAIS

São as ervas Aromáticas e Medicinais que dão o mote a um programa cultural da Escola de Ciências Sociais da Universidade de Évora e da Biblioteca da Universidade de Évora.

Até 31 de janeiro, estará patente na Biblioteca do Polo Universitário Colégio de Luís António Verney, a exposição de Fotografia de Isolina Lages; de 6 a 17 de fevereiro estarei patente na Biblioteca do Polo da Mitra.

Páginas