Está aqui

Borrego

Vendas de borrego do Alentejo “estão melhores” nesta Páscoa

As vendas de borrego produzido no Alentejo, nesta Páscoa, estão a superar as do ano passado em quantidade e preço, anunciou à Lusa a coordenadora do Agrupamento de Produtores Pecuários do Norte Alentejano – Natur-al-Carnes, Maria Vacas de Carvalho.

Contudo, ainda há produtores que se queixam de “marcas” no setor, devido à pandemia de covid-19. “As vendas estão melhores em relação ao ano passado, mas não está a ser um ano espetacular, não está fantástico. Não está como era normal”, assegurou a responsável.

Castro Verde vira atenções para o borrego

Chega a Páscoa e já se sabe que o borrego é o protagonista principal da gastronomia alentejana. Em Castro Verde não podia ser diferente e a autarquia local reservou-lhe mesmo uma semana de homenagem e promoção com o festival “Sabores do Borrego".

Durante a mostra gastronómica - de 29 e 31 de março – pode deliciar-se com borreguinhos de azeite, cabeça de borrego assada, ensopado à antiga, caldeirada de borrego ou borrego na púcara. Para tal, basta escolher um dos 12 restaurantes de Castro Verde e de Entradas que aderiram à mostra gastronómica.