Está aqui

Apoio extraordinário

Governo reativa apoio extraordinário de 200 mil euros para arqueologia

A Direção-Geral do Património Cultural (DGPC) abriu, esta segunda-feira, uma linha de apoio financeiro extraordinário a Projetos de Investigação Plurianual em Arqueologia (PIPA) no valor de 200 mil euros, a conceder a fundo perdido.

De acordo com a agência Lusa, citando um comunicado da DGPC, este programa excecional destina-se a projetos de investigação previamente sujeitos a avaliação, aprovados e em curso pelo PIPA 2021, sendo que cada candidato/investigador responsável pode solicitar financiamento para apenas um projeto dirigido por si, com montante máximo de dez mil euros.