Está aqui

António Anselmo

Borba investe 1,1 milhão em nova ETAR

O Município de Borba deu início à construção de uma nova Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) na freguesia Rio de Moinhos.

A obra é comparticipada por fundos comunitários e deverá estar a operar a meio do próximo ano. O investimento é de 1,1 milhões de euros e a ETAR vai tratar a totalidade das águas residuais provenientes de Rio de Moinhos, Barro Branco e Talisca, abrangendo cerca de 3500 habitantes e mas deixando ainda de fora o problema dos efluentes industriais que resultam das atividades de queijarias e outras industrias locais.

Notícia corrigida às 18h38.

Chineses querem mármores de Borba

Um grupo de investidores chineses está de visita à zona dos Mármores em Borba.

A comitiva já foi recebida nos Paços do Concelho por António Anselmo, presidente da Câmara Municipal, e é constituída por vários industriais do mármore daquele país. Os investidores vieram conhecer o mármore extraído naquela região, para "posteriores relações comerciais", segundo a autarquia, que está a facilitar o contato entre empresários chineses e empresários locais.

 

BORBA DIMINUIU DÍVIDA EM 4,5 MILHÕES E PREPARA-SE PARA INVESTIMENTOS

Após um programa de austeridade decorrente do Plano de Apoio à Economia Local (PAEL) e de ter conseguido cumprir os limites de dívida que a Lei das Finanças Locais impõe aos municípios, reduzindo a dívida em cerca de 4,5 milhões de euros, o município de Borba, que aprovou um orçamento para 2018 de 7,6 milhões de euros, prepara-se para investir na reabilitação urbana, com recurso a fundos comunitários.