Está aqui

Agronegócio

Porto de Sines vai desenvolver agronegócio com Estado da Bahia

A Administração dos Portos de Sines e do Algarve (APS) assinou um memorando de entendimento com o Estado da Bahia, no Brasil, para o desenvolvimento de novos projetos ligados ao agronegócio através do porto alentejano.

Em declarações à agência Lusa, José Luís Cacho, presidente do conselho de administração do Porto de Sines, disse que “o Brasil é um dos melhores produtores do mundo no setor do agronegócio, quer no campo dos grãos, designadamente a soja e o milho, como também na área das frutas e da carne, ou seja, todo um conjunto de produtos que alimentam o mundo”.

Portugal e Brasil “empenhados” no Porto de Sines como “hub para agronegócio”

Os governantes de Portugal e do Brasil mostraram-se “empenhados na promoção de Sines, através do porto existente nesta cidade do litoral alentejano, como hub europeu para o agronegócio brasileiro”, adiantou a administração portuária à agência Lusa.

Em comunicado, a Administração dos Portos de Sines e do Algarve (APS) referiu que a informação surgiu no âmbito de um seminário online realizado na passada sexta-feira e que juntou “mais de 100 representantes de cooperativas agrícolas, traders, associações setoriais e exportadores brasileiros que atuam no setor agroalimentar”.