Está aqui

Évora

Produção de hidrogénio verde com tecnologia portuguesa chega a Évora

Dois parques para a produção a baixo custo de hidrogénio verde, com tecnologia desenvolvida em Portugal e considerada “inovadora e pioneira” no mundo, estão a ser instalados no concelho de Évora, num investimento de 4,8 milhões de euros.

A empresa que está a desenvolver o projeto H2 Évora é a Fusion Fuel. Um dos parques localiza-se junto ao parque industrial da cidade e o outro perto da localidade de Nossa Senhora da Tourega.

Alentejo em risco muito elevado de incêndio e de exposição aos raios UV

Os distritos de Santarém, Portalegre e Beja estão, esta sexta-feira, em risco muito elevado de incêndio, de acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Em risco elevado o IPMA colocou concelhos também dos distritos de Santarém, Portalegre, Setúbal, Évora e Beja.

Zomato chega aos restaurantes de Évora e Beja

A Zomato, uma aplicação móvel de busca de restaurantes, chegou aos distritos de Évora e Beja, para aproveitar as localidades escolhidas pelos portugueses para férias de verão, como é o caso da Zambujeira do Mar e Vila Nova de Milfontes, refere o portal New in Town.

Assim, quando precisar de alguma dica de restaurante, só tem de abrir a aplicação e escolher algumas das sugestões que lhe são dadas. Podem ler-se as críticas de outros visitantes, acrescentar fotos e até deixar a sua avaliação no final da refeição.

Investigador de Évora lidera estudo sobre 94 espécies ameaçadas no México

Um estudo internacional, liderado por Diogo Alagador, investigador do Instituto Mediterrâneo para a Agricultura, Ambiente e Desenvolvimento (MED) da Universidade de Évora (UÉ), permitiu apurar qual o desempenho esperado das áreas protegidas na região central do México para a proteção de 94 vertebrados terrestres (10 anfíbios, 13 repteis, 50 aves e 21 mamíferos), com níveis variados mas preocupantes de ameaça, sobre diferentes cenários de mudança climática na região.

Évora: Igreja de S. Francisco recebe, hoje, concerto de música clássica

Esta tarde, pelas 18h, a Igreja de S. Francisco de Évora, recebe o concerto "Requiem para o Convento de Santa Clara", interpretado pelo Ensemble de Música Barroca Metáfora das Flores, com direção musical de Magna Ferreira.

A magia ancestral das Antas em exposição em Évora

O Centro de Arte e Cultura da Fundação Eugénio de Almeida apresenta, a partir de 17 de julho de 2021, em Évora, a exposição “Santuários”, de Renée Gagnon, com curadoria de Manuel Costa Cabral.

Temperaturas voltam a subir até aos 40 graus no interior alentejano

A partir de hoje, quarta-feira, as temperaturas máximas vão subir, podendo atingir os 40 graus Celsius em alguns locais do litoral e interior do Alentejo, segundo a meteorologista Maria João Frada.

Em declarações à Lusa, a meteorologista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) adiantou que para hoje está prevista uma subida dos valores da temperatura máxima da ordem dos 4/7/8/9 graus nas regiões do litoral oeste.

Amanhã pode ouvir Stravinsky no Mosteiro de São Bento em Évora

Amanhã, 11 de julho, pelas 18h, vai poder ouvir Stravinsky no Mosteiro de São Bento de Cástris, em Évora.

É o Rota de Cister - Cistermúsica 2021 e o concerto de amanhã - “História do Soldado”, de Stravinsky. - surge pela mão do Ensemble Darcos, dirigido por Nuno Côrte - Real e com narração do ator Paulo Pires.

O Ensemble Darcos é um dos mais prestigiados grupos de câmara portugueses da atualidade e foi  criado em 2002, pelo compositor e maestro Nuno Côrte-Real.

Alentejo sob aviso amarelo devido ao calor

Os distritos de Portalegre, Santarém, Setúbal, Évora e Beja vão estar sob aviso amarelo entre as 12h00 de sexta-feira e as 15h00 de sábado devido à persistência de valores elevados da temperatura máxima, revelou o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

O aviso amarelo é emitido pelo IPMA sempre que existe risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

Note-se que o instituto já tinha adiantado que nos próximos dias iriam ser emitidos avisos amarelos de tempo quente em alguns distritos a sul da Serra da Estrela.

NASA aprova projeto da Universidade de Évora

A Agência Espacial Norte Americana (NASA) aprovou recentemente o projeto “Assessing the usefulness of ICESat-2 data for wildland fuel mapping”, liderado por Sérgio Godinho, investigador do Laboratório de Deteção Remota (EarsLab) do Instituto de Ciências da Terra (ICT) da Universidade de Évora (UÉ), que pretende, com recurso a deteção remota, desenvolver métodos inovadores para mapear os combustíveis florestais e obter cartografia essencial para apoiar o planeamento e a gestão das atividades de prevenção e supressão dos incêndios florestais.

Páginas