Está aqui

Tecnologia

ELVAS VAI TER NOVA ETAR COM TRATAMENTO FEITO POR PLANTAS

O município de Elvas abriu o concurso para a empreitada de construção da ETAR em Vila Fernando, com um preço base de 597.200,00 € e prazo de execução de 180 dias.
 
Com esta nova ETAR ficam resolvidos os problemas da emissão de esgotos para as linhas de água, que atualmente são lançados a céu aberto, segundo avança a autarquia.
 

ECONOMIA CIRCULAR: UMA TRANSIÇÃO QUE ESTAMOS OBRIGADOS A FAZER

O crescimento económico do mundo está sustentado numa base insustentável já que consome recursos naturais que são limitados. Extraímos, processamos, consumimos e deitamos fora mais do que o planeta é capaz de produzir e isso terá mais tarde ou mais cedo um fim.

PRIMEIRO DESTINO TURÍSTICO INTELIGENTE EM PORTUGAL É NO ALENTEJO

Reguengos de Monsaraz, no Alentejo Central, vai ser o primeiro destino turístico inteligente em Portugal, através da implementação de um sistema de sinalização e informação turística inteligente no concelho, baseado numa nova tecnologia com dispositivos eletrónicos denominados “beacons”. Estes dispositivos serão colocados nos postos de turismo e nas placas de sinalização turística pedonal e vão fornecer informação atualizada aos turistas através de BLE – Bluetooth Low-Energy para smartphones.

BEJA COM INVESTIMENTO DE 5 MILHÕES EM NOVA ETAR

A AgdA - Águas Públicas do Alentejo prepara-se para investir cerca de 5 milhões de euros numa nova Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) com capacidade de para servir integralmente a cidade de Beja e tratar diariamente cerca de 5 mil metros cúbicos de águas residuais.

Com a entrada desta nova ETAR serão desativadas as duas atuais que já se encontram obsoletas.

Imagem de capa da atlantinivel.pt

 

EUROPA SEM PLANO DE CONTINGÊNCIA PARA MAIS DE 145 CENTRAIS NUCLEARES

Situada a 100 km da fronteira portuguesa e refrigerada no rio Tejo, que atravessa o país e que desagua em Lisboa, a Central Nuclear de Almaraz coloca simultaneamente desafios de segurança, de gestão de resíduos, de planeamento do seu encerramento e subsequente desmantelamento. 

O problema de Almaraz tem levantado aceso debate entre Portugal e Espanha e avolumam-se as preocupações com as condições de segurança desta e de cerca de 148 centrais nucleares já encerradas mas não desmanteladas ou em fim de vida.

GUARDIÃ DOS CÉUS ALENTEJANOS VENCE PRÉMIO INTERNACIONAL

Chama-se Apolónia Rodrigues, é especialista em Gestão e Planeamento em Turismo, apaixonada pelo Alentejo e pelo céu. Tanto que criou em 2008 a Dark Sky®Alqueva.

Desde então tem dedicado todo o seu trabalho a alertar instituições públicas, privados e público em geral para os efeitos negativos e impactos da poluição luminosa através da criação de um verdadeira área de observação de estrelas em Alqueva.

MATERIAIS E TÉCNICAS DE EXECUÇÃO DOS FORAIS MANUELINOS DESVENDADOS EM ÉVORA

As técnicas de execução e os materiais dos Forais de Terena, Alandroal, Évora, Lousã e Marvão têm vindo a ser alvo de estudo num trabalho que está a ser realizado no Laboratório HERCULES, na Universidade de Évora.

ANTIGA MOAGEM DÁ LUGAR A NOVO JARDIM TEMÁTICO NO CRATO

Não foi por acaso que a escolha da apresentação do projeto que vai transformar a antiga e degradada moagem do Crato em Jardim Temático recaiu na sede da Associação de Reformados, Idosos e Pensionistas do Crato. Segundo Correia da Luz, presidente da Câmara do Crato, esta recuperação e revitalização do espaço respeita e preserva as memórias dos mais velhos e ao mesmo tempo trás modernidade à vila, tornando-se num cartão-de-visita para o crescente número de turistas que visitam o Crato.

PONTE DE SOR QUER INVESTIR 409 MIL EUROS EM VEÍCULOS ELÉCTRICOS

São 119 as autarquias que se candidatam a apoios para a aquisição de veículos eléctricos, sobretudo para apoio a serviços ambientais como a limpeza urbana e os jardins num total de 20 milhões de euros disponíveis do Fundo Ambiental. À cabeça destas candidaturas estão o Porto, com uma candidatura de 820 mil euros, Viseu, com 495 mil euros e o município alentejano de Ponte de Sor, com uma candidatura de 409 mil euros.

Ao todo serão retirados 339 veículos de combustão de todo o território.

Imagem de capa da Percolado.

 

ALUNOS DA UNIVERSIDADE DE ÉVORA DESAFIADOS A CRIAR COM CORTIÇA

A Pelcor, uma das mais prestigiadas marcas portuguesas de artigos de cortiça, lançou um desafio aos alunos da Universidade de Évora, o de criar novas soluções de utilização da cortiça e um dos próximos produtos a integrar o seu catálogo de excelência. Para ao efeito estabeleceu uma parceria com aquela universidade com a intenção de promover a criatividade e apoiar novos talentos.

Páginas