Está aqui

Saúde

Transformação de bagaço de azeitona passa a ser controlada no Alentejo

O Parlamento aprovou uma série de recomendações ao governo para controlo ambiental e de saúde pública às fábricas de transformação de bagaço de azeitona, medidas que foram agora publicadas em Diário da República e que pretendem acabar com a poluição provocada por aquelas unidades industriais no Alentejo.

São três as fábricas, todas a laborar no distrito de Beja, que vão ser abrangidas pelas medidas urgentes", resultado de cinco projetos de resolução do PEV, PSD, PCP, CDS e BE.

Vão nascer 4 novas centrais fotovoltaicas no Alentejo

Quatro novas centrais fotovoltaicas vão nascer no Alentejo, nos concelhos de Nisa, Évora, Ourique e Aljustrel, num investimento superior a 110 milhões de euros, integralmente executado pela Energi-innovation, a empresa promotora das construções.

As quatro novas centrais fotovoltaicas vão produzir cerca de 270 gigawatts-hora (GWh) de energia por ano, o que permite abastecer por um ano cerca de 60 mil habitações.

Santiago do Cacém: BPI fecha balcões e lança carrinha com serviços bancários

Para "colmatar o encerramento de balcões" apresentou em Vila Nova de Santo André o Balcão Móvel, que vai circular nesta Cidade assim como em Ermidas-Sado e Cercal do Alentejo, com vários serviços bancários e rota fixa por estas três localidades. Vão ser possíveis operações com numerário e cheques, depósitos e levantamentos, assim como a possibilidade de depositar moedas e trocar motas por moedas.

Petróleo em Aljezur. PAN acusa Governo de falta de transparência

O PAN, Pessoas-Animais-Natureza, questionou a Ministra do Mar sobre recurso da decisão da providência cautelar em Aljezur. O PAN quer saber sobre o que fundamentou a apresentação de recurso que visa travar a decisão de suspensão da exploração di hidrocarbonetos em Aljezur, tomada pelo Tribunal Administrativo e Fiscal de Loulé no passado dia 2 de Julho, decorrente de providência cautelar intentada pela PALP.

Delta com 20 novas lojas e crescimento de 30% no Brasil

A rede de cafeterias Deltaexpresso, propriedade da Café Franchising, empresa de capital luso-brasileiro, parceira no Brasil da Delta Cafés, Grupo Nabeiro, quer conquistar o Sudeste do Brasil e fechar o ano com 20 novas lojas e com crescimento de 30% em relação a 2017.
 

Sines ligada a Sevilha através de nova ligação ferroviária

O Porto de Sines tem uma nova ligação ferroviária ao porto espanhol de Sevilha. A nova ligação ferroviária permite segundo a Revista Cargo canalizar as operações de transporte do Porto de Sines à área mais industrial da Andaluzia, reforçando o serviço de transporte marítimo da empresa de logística Lamaignere Cargo, a empresa de transporte marítimo internacional e que presta serviços às empresas na área de Sevilha, Córdoba e Jaén.

Desligar ou não fora do trabalho? Na Corticeira Amorim desliga-se totalmente

Embora as mudanças no mundo laboral ocorram a um ritmo muito acelerado e as relações laborais tenham cada vez menos semelhanças com as do século passado, nem tudo são más notícias no que toca aos direitos laborais e ao direito ainda não generalizado de se poder desligar telefones, mails, etc, depois do horário de trabalho, ou no período de férias.

Quem é Marie Inkster, a nova patroa das minas de Castro Verde?

A sucessão foi discreta e planeada. Tão discreta que aconteceu a 25 de julho e só agora damos por ela. Tão planeada que a transição da direção da multinacional Lunding Mining das mãos de Paul Conibear, para Marie Inkster, a gestora de 46 anos vai durar até ao final do ano. Nessa altura Marie Inkster passará então a dirigir aquela empresa de mineração canadiana, dona da Somincor, que gere a mina Neves-Corvo, em Castro Verde.

Há um novo movimento que defende mudanças no Alentejo

Organizações empresariais, destacados académicos, artistas, dirigentes da administração pública, empresários e outros cidadãos acabam de criar um novo movimento que defende mudanças no domínio das acessibilidades e transportes no Alentejo. 

Alentejo aumenta taxas de ocupação hoteleira

De acordo com o AHP Tourism Monitors, ferramenta exclusiva de recolha de dados da Hotelaria nacional trabalhados mensalmente pela AHP - Associação da Hotelaria de Portugal, o mês de junho de 2018 registou, a nível nacional, uma taxa de ocupação de 81%. O Preço médio por quarto ocupado fixou-se nos 101 euros e o preço médio por quarto disponível nos 82 euros.

Páginas