Política Nacional

CHOVEM EUROS PARA A REABILITAÇÃO URBANA

O Alentejo 2020 já abriu concurso para a apresentação dos Planos de Ação de Regeneração Urbana dos Centros Urbanos Complementares, no âmbito do Eixo 8- Ambiente e Sustentabilidade.

O objetivo deste concurso é a apresentação de Planos de Ação com âmbito territorial incidente nos centros históricos, zonas ribeirinhas ou zonas industriais abandonadas, dentro de uma Área de Reabilitação Urbana (ARU).

Em cada centro urbano podem existir mais que uma ARU e estas podem localizar‐se em qualquer centro urbano.

"NÃO EXISTEM SEGREDOS NOS NEGÓCIOS"

A pronúncia do norte é acentuada e usada sem complexos, como fazem os homens do norte. Observador, focado, e muito comunicativo, é a descrição que uma conversa demorada com ele nos permitiu fazer. Estamos a falar de Filipe Soutinho, 35 anos, nascido em Vila Nova de Famalicão (Braga), CEO da IDT Consulting, com escritórios em Évora.

PORTUGUESES MAIS EMPREENDEDORES

Um relatório conjunto da Comissão Europeia e da OCDE revela que os portugueses são mais confiantes do que a média europeia na capacidade de criar o seu negócio. O contexto do estudo, em cenário de crise financeira e desemprego muito elevado, parece não afetar o otimismo nacional.

Entre 2009 e 2013, anos a que diz respeito o estudo, 41% dos adultos europeus considerava ter conhecimentos e competências para criar o seu negócio. Já em Portugal o valor rondava os 49%, resultados muito semelhantes aos da Croácia, Espanha e Grécia.

"ESTAMOS PERANTE UM CENÁRIO INENARRÁVEL"

Tem 47 anos, já foi empresário, técnico superior e especialista ligado aos fundos comunitários, formador, professor e desempenhou inúmeros cargos políticos. Hoje é deputado na Assembleia da República, eleito pelo PSD (PàF), depois de um período considerável na gestão do último quadro comunitário e à frente do Alentejo 2020, ao atual Programa Operacional do Alentejo. Dele dizem os amigos e colegas de trabalho que é afável, focado e mobilizador. Falamos de António Costa da Silva, com quem estivemos à conversa.

 

A REVOLUÇÃO DO 25 DE NOVEMBRO

Portugal quis a revolução e a revolução fez-se.

Naquela que é conhecida por todos como a “revolução dos cravos” o povo português celebrou a libertação de uma ditadura de décadas.

PERSONALIDADES DO ALENTEJO QUEREM A REGIONALIZAÇÃO

Várias personalidades, dezenas de autarcas e instituições alentejanas iniciaram os preparativos para o que chamam de congresso pela Regionalização, que decorrerá a 2 de Abril de 2016, no Centro de Conferências de Tróia em Grândola.
 
A data coincide com o 40.º aniversário da Constituição da República Portuguesa que, como defendem os organizadores, prevê a criação das Regiões Administrativas, nunca concretizadas.
 

PORTUGAL VAI RECEBER E DEVOLVER MILHÕES DA AGRICULTURA

Segundo as regras da PAC (Política Agrícola Comum) reformada em 2013, a Comissão Europeia prepara-se para reembolsar a reserva de crises agrícolas não utilizada em 2015. Para Portugal serão devolvidos 6,5 milhões de euros. Que também terá de devolver 1,9 milhões de fundos mal utilizados na agricutura.

GESTÃO DE RESÍDUOS NO ALENTEJO EM DEBATE

O 1.º Encontro de Sistemas de Gestão de Resíduos do Alentejo vai decorrer, no dia 24, nas instalações da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDRA) do Alentejo, em Évora.

O encontro vai analisar e debater as estratégias, os objetivos e as metas relativas à gestão dos resíduos, sobretudo do Plano Estratégico para os Resíduos Urbanos (PERSU 2020).

AS CRIANÇAS TÊM VOZ

Ainda antes de conseguirem traduzir por palavras as suas emoções, as crianças começam a comunicar e a interagir com o meio envolvente. Com a aquisição e o domínio da linguagem, a forma como comunicam torna-se cada vez mais elaborada e torna-se mais fácil para elas exprimirem o que sentem e pensam - a forma como se percecionam a si e ao mundo -, surpreendendo-nos não raras vezes com as suas observações e considerações.

POR UMA CULTURA DE NÃO-VIOLÊNCIA

“Por uma cultura de Não-Violência: Velhos e Novos Desafios” é o tema do seminário que irá decorrer em Odemira, no próximo dia 25 de novembro.

Violência doméstica, stalking, prós e contras das novas tecnologias de informação, a intervenção junto das famílias e a motivação para uma cultura de não-violência serão os temas em destaque.

Esta é uma iniciativa da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Odemira e pelo Gabinete de Apoio à Vítima e ao Agressor da TAIPA – Organização Cooperativa para o Desenvolvimento.

Páginas