Está aqui

Empresas

Prospectores de negócios de Espanha, Canadá, Polónia, Brasil, México e França em Évora

O Núcleo Empresarial da Região de Évora (NERE) recebe no próximo dia 24 de outubro, uma comitiva de prospectores de negócios, particularmente do sector agroalimentar, e que operam nos mercados de Espanha, Polónia, Brasil, México e França.

Vidigueira Winelands recomenda vinhos de outono

A Vidigueira esteve desde sempre ligada à cultura da vinha e à produção de vinho, que ainda hoje continuam a ser uma das maiores riquezas económicas e culturais do concelho. A variedade de castas utilizadas pelos produtores, proporciona uma enorme diversidade de aromas e sabores.

Discurso de alguns autarcas alentejanos é "alarmista"

A cultura de azeite e as monoculturas intensivas e superintensivas do olival regadas com água do Alqueva está a gerar uma troca de palavras entre autarcas do Baixo Alentejo e o Ministério da Agricultura de Capoulas Santos.

Alcácer do Sal mantém IMI no valor mais baixo

O Município de Alcácer do Sal vai manter o Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) no seu valor mais baixo, de 0,3 por cento para os prédios urbanos para o ano de 2019.

“Embora o IMI constitua uma fonte receita para o Município, optamos por manter a taxa no seu valor mais baixo, uma vez que entendemos ser mais importante o apoio às famílias através da manutenção do alívio da carga fiscal”, declarou o presidente da Câmara Municipal de Alcácer do Sal, Vítor Proença.

Ferrovia do Alentejo tem que "valorizar Porto de Sines e Aeroporto de Beja"

O professor e investigador da Universidade do Algarve, Manuel Tão, defendeu ontem em Sines que a aposta em linhas ferroviárias alternativas e a modernização da Linha do Alentejo pode valorizar duas grandes infraestruturas na região: o porto de Sines e o Aeroporto de Beja. A tese foi defendida numa iniciativa da Plataforma Alentejo, que debateu mobilidade e acessibilidades no Alentejo e foi avançada pela Revista Cargo.

Azeite de Moura vence medalha de ouro internacional Grande Prestígio

A Cooperativa Agrícola de Moura e Barrancos voltou a ser agraciada com mais uma distinção.O Azeite Virgem Extra Premium, da CAMB, foi medalhado com Ouro Grande Prestígio no Concurso Internacional Olivinus 2018, que decorreu na Argentina, onde estiveram reunidos os mais conceituados técnicos e onde participaram 178 empresas de 17 países.

Recentemente o mesmo azeite da CAMB havia recebido uma menção honrosa na Agroliva – VIII Concurso Internacional de Azeite Virgem Extra, realizado também na Argentina.

Évora investe 900 mil euros em acesso ao Parque de Indústria Aeronáutica

O município de Évora deu como praticamente pronta a obra de Requalificação da Ligação da Cidade ao Parque de Industria Aeronáutico de Évora (PIAE), num investimento aproximado de 900 mil euros.

Esta via, dotada de todas as infraestruturas subterrâneas, nomeadamente água, saneamento de águas residuais domésticas e pluviais, fornecimento de energia elétrica e iluminação pública, telecomunicações, irá servir nove lotes industriais, dois dos quais onde funcionam as fábricas da Mecachrome e da EMMAD.

A ferrovia Sines-Elvas-Caia é ou não importante para o Alentejo?

“A Importância Estratégica da Ferrovia do Alentejo no Sistema Portuário Nacional- Alqueva-Aeroporto do Alentejo/Beja” está hoje em debate no Porto de Sines e conta com as participações de Jorge d'Almeida, Presidente da Comunidade Portuária de Sines, Carlos Vasconcelos, Presidente do Conselho de Administração da Medway e Manuel Tão, Professor e Investigador da Universidade do Algarve.

Azeite alentejano medalha de ouro Grande Prestígio em concurso internacional

O Azeite Virgem Extra Premium, da Cooperativa Agrícola de Moura e Barrancos (CAMB), acaba de ser reconhecido com Medalha de Ouro Grande Prestígio no Concurso Internacional Olivinus 2018 – um dos mais reputados concursos a nível mundial, organizado na Argentina.

Este ano, concorreram ao este concurso 178 empresas de 17 países, o que reforça a importância desta Medalha de Ouro, que, uma vez mais, reconhece e diferencia os produtos portugueses e, em particular, os azeites da CAMB, que todos os anos têm sido reconhecidos nacional e internacionalmente.

Produção e comércio de pequenos frutos em conferência em Odemira

O mercado dos pequenos frutos está em expansão e está constituído como autêntica fileira do setor agrícola e agroindustrial, sendo que hoje ocupam um lugar de destaque nas exportações nacionais de fruta, muito considerados pela qualidade que decorre sobretudo do nosso clima. A framboesa é umas das que mais se destaca, ocupando mais de 60% da produção, seguidas do mirtilo e da amora, que se encontram em expansão e são escoados na sua quase totalidade pelas exportações.

Páginas