Está aqui

Empresas

Aeronáutica de Grândola recebe 8 milhões de euros de cofinanciamento

O Ministério do Planeamento e Infraestruturas homologou o apoio do Programa Operacional COMPETE 2020 ao investimento de 33 milhões de euros da empresa LAUAK. Este apoio vai contribuir para a implementação de uma nova unidade do setor aeronáutico em Grândola.

O cofinanciamento de 7,9 milhões de euros do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional vai apoiar a criação de 274 novos postos de trabalho, cerca de 70 dos quais altamente qualificados, e possibilitar exportações no valor anual de 30 milhões de euros, sendo "objetivo" da empresa acolher cerca de 600 trabalhadores após 2023.

Federação Europeia para a Saúde e Segurança Sanitária organiza encontro em Elvas

O Centro de Negócios Transfronteiriço de Elvas vai ser palco das Jornadas Técnicas da FESASS – Federação Europeia para a Saúde e a Segurança Sanitária, nos dias 24 e 25 de outubro.

A FESASS é uma organização cujo principal objetivo é a defesa e a promoção do estatuto sanitário do sector pecuário da Europa para a segurança alimentar.

Vinhos da Talha com enoturismo em plena Vila de Frades

Já ouviu de certeza que Vila de Frades já não tem abades, Mas tem adegas que são catedrais, Os seus palhetes são brilharetes, São de beber e chorar por mais. Tem que por lá passar para saber do que estamos a falar.

A Adega ACV Vinhos de Talha acaba de abrir as portas do seu enoturismo no coração de Vila de Frades, onde produz vinhos com métodos de vinificação que permanecem os mesmos desde os tempos dos Romanos, há mais de 2 000 anos.

GNR está a fazer transporte de combustível em Lisboa, Alentejo e Algarve

Na sequência da Situação de Alerta declarada pelo Ministro da Administração Interna foram realizados ontem, dia 12 de agosto, pela Guarda Nacional Republicana, transportes de combustível em 13 veículos pesados de transporte de mercadorias perigosas com destino às regiões de Lisboa, Setúbal, Beja e Algarve, envolvendo um total de 26 militares da GNR.

Governo declara Situação de Alerta nacional

Está declarada a Situação de Alerta nacional  até às 23h59 do dia 21 de agosto de 2019, em todo o território de Portugal continental. A declaração foi emitida pelo Ministro da Administração Interna e decorre da situação de Crise Energética decidida pela Resolução de Conselho de Ministros nº 134-A/2019, face à suscetibilidade de serem afetados bens e serviços essenciais à população.

Alentejo com 39 milhões para laboratórios e incubadoras de empresas

O programa operacional Alentejo 2020 acaba de aprovar um total de 39 milhões de euros (com financiamento de 27 milhões por fundos comunitários) para construção de infraestruturas como centros de investigação e inovação e incubadoras para empresas de base tecnológica.

Pode o exercício do Direito à Greve levar um país à falência? 

Por Jorge Pais, Presidente da Associação Empresarial de Portalegre

 

Todos esperamos que não seja o caso, porque a mal ou a bem, acreditamos que o bom senso acabará por imperar e a anunciada greve dos motoristas, a fazer-se, não se prolongará por «tempo ilimitado». Mas, pode! E se assim fosse, uma greve de meses, deixaria realmente o país à beira da falência, obrigando de novo o «bom povo» do costume a apertar o cinto, talvez para níveis nunca vistos... 

Alentejo vai investir no mar e nas tecnologias de ponta

Estão aprovados dois projetos da Agência de Desenvolvimento Regional do Alentejo (ADRAL) no valor de um milhão de euros, um virado para a economia do mar e outro na alta tecnologia. Alentejo Azul e Startup LABWARE, são os dois projetos que envolvem parceiros estratégicos da Região tais como o PACT - Parque do Alentejo de Ciência e Tecnologia, Sines Tecnopolo e a DECSIS – Sistemas de Informação.

Eixo ferroviário de Évora recebe 3 dos 5 maiores concursos públicos da década

O Governo adjudicou cinco dos maiores concursos públicos da década em apenas três meses e a linha ferroviária de Évora é a mais beneficiada como avança hoje o Dinheiro Vivo.

A despesa pública contratada junto de empresas e entidades privadas (investimentos e gastos correntes) atingiu, no primeiro semestre deste ano, o valor mais elevado de que há registo, cerca de 3,7 mil milhões de euros, indicam os contratos publicados pelo governo no Portal Base até ao final de junho.

Este ano pode ser o melhor da década para o vinho alentejano

São previsões mas não têm falhado. Utilizando o método polínico, isto é, a recolha de pólen na fase da floração da vinha, a Comissão Vitivinícola Regional Alentejana (CVRA) prevê ganhos na ordem dos 5 a 10% na produção de vinho na região, com 22 500 hectares de vinha, quando comparado com a vindima de 2018, o que significa uma produção de 115 a 120 milhões de litros, volume superior à média dos últimos cinco anos (de 110 milhões de litros).

Páginas