Está aqui

Alentejo

Alentejo é a região do país com mais pedreiras em perigo

O Alentejo é a região do país com mais pedreiras em perigo.

Das cerca de 300 pedreiras do Alentejo, 191 têm trabalhos suspensos ou abandonados e 17 estão em situação crítica no que toca aos riscos de derrocada.

Os dados surgem num documento do Governo e que surge após a tragédia de Borba. Estas informações forma dadas a conhecer pela edição do jornal Expressos deste fim de semana e refere mesmo que em muitos dos casos é urgente tomar medidas rápidas de modo a evitar a repetição da tragédia de Borba e evitar o colapso ou o abatimento de estradas.

Viana do Alentejo mantém IMI no mínimo

A Câmara de Viana do Alentejo decidiu manter a taxa mínima do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) para 2019, nos mínimos, continuando fixada em 0,3%.

A par desta percentagem, o município mantêm também os descontos no imposto a pagar para os agregados familiares com filhos, sendo a redução de 20 euros para famílias com um filho, de 40 euros para as que têm dois e de 70 euros para as que têm três ou mais filhos.

As microempresas com um volume de negócios inferior a 150 mil euros por ano estão isentas de derrama.

Expropriações e adjudicações avançam na linha Sines-Caia

As expropriações e as adjudicações para a construção da linha Sines-Caia estão a avançar.

Já foi adjudicada a construção de dois dos três troços da linha de Évora, ambos a empresas espanholas: a Sacyr e a Comsa, seguindo a tendência dos concursos abertos pelas Infraestruturas de Portugal (IP).

Com estas adjudicações, as construtoras espanholas conseguem dois terços do bolo total de 500 milhões de euros investidos na ferrovia nacional nos últimos anos.

Portalegre: Fundação Robinson rejeita acusações de crime contra o património

O PEV denunciou ontem que o Conselho de Administração da Robinson estaria a demolir um edifício da antiga fábrica Robinson, Património Industrial Corticeiro de Portalegre, classificado de interesse público "que foi motivo de uma grande luta nacional de Os Verdes, nomeadamente através de uma ação junto do Presidente da República, do Ministro da cultura e na própria Assembleia da República, assim como uma petição nacional que levou à aprovação por unanimidade de uma Resolução Parlamentar que afirmava a vontade e urgência de salvar aquele património", como adiantaram em comunicado.

Um quarto dos alunos não passa no 1º ano em Moura e Ferreira do Alentejo

Um quarto dos alunos não passa no 1º ano em Moura e Ferreira do Alentejo. São cerca de 24% os alunos que, no 1º ciclo, ficam retidos logo no primeiro ano, sendo que na totalidade do distrito de Beja, os números da retenção neste ano de escolaridade representam um quinto dos alunos.

Alandroal: Mostra do Peixe do Rio com data e com o chef José Júlio Vintém

Já há datas para a edição 2019 da já tradicional Mostra do Peixe do Rio de Alandroal e que vai já para a sua Xª edição.

Este ano será realizada 8 a 17 de março, e traz uma surpresa, a participação do chef alentejano José Júlio Vintém.

Numa organização da autarquia, em colaboração com os restaurantes participantes, o Alandroal convida a provar esta iguaria ainda desconhecida de muitos, mas também a visitar os monumentos e locais de interesse do concelho, num programa que se garante vasto e eclético.

 

Imagem de normark.pt

Depois de ouvir o Cante, os americanos querem conhecer o Alentejo

Depois de ouvir o Cante, “os americanos ficaram com vontade de conhecer o Alentejo”, como revelou o embaixador de Portugal nos Estados Unidos da América, Domingos Fezas Vital.

O Cante foi a Washington, como o Tribuna Alentejo disse a semana passada, ao abrigo do festival “Terras Sem Sombra” e deixou os americanos encantados com o Cante e com o  Alentejo em geral e dando uma boa imagem do país e um fortalecimento de relações.

7,5 milhões para serviços de imagiologia no Hospital do Litoral Alentejano

São 7,5 milhões de euros que o Governo já autorizou para o investimento em serviços de imagiologia no Hospital do Litoral Alentejano.

A Unidade Local de Saúde do Litoral Alentejano e vai assim realizar um investimento – isento de IVA - em serviços de imagiologia, podendo executar um investimento de 1 milhão e 900 mil euros em 2019, 2020 e 2021, e podendo ir até ao milhão e 425 mil euros em 2022, como confirmou o Secretário de Estado do Orçamento, João Leão, em portaria publicada em Diário da República.

 

Imagem de dinheirovivo.pt

Eletricidade chega agora a mais 25 casas na Serra de Serpa

Foi um protocolo entre a Câmara Municipal de Serpa, a EDP e uma associação de moradores que permitiu a cooperação e a futura eletrificação de mais 25 habitações na Serra de Serpa.

Este protocolo de cooperação prevê que a EDP comparticipe com 85%, sendo a autarquia e os proprietários quem pagará os restantes 15%, aproximadamente 83 mil euros.

Em nota de imprensa, a autarquia recorda que a eletrificação da Serra de Serpa, teve início em 2012, quando mais de 200 casas e explorações agrícolas receberam então eletricidade.

O jogo egípcio que encantou os alentejanos

Diz-se que o alquerque – do árabe “Al-Quirkat” um antigo jogo árabe - terá tido a sua origem na terra dos faraós, no Egipto, e que terá chegado à Península Ibérica pela mão dos muçulmanos.

Este jogo está presente em muito do foi a cultura lúdica do povo alentejano ao longo dos séculos e são estes jogos ancestrais que estão em destaque na última edição da conceituada revista “National Geographic”.

Páginas