19 Janeiro 2015      00:00

Está aqui

12º Torneio de Bridge de Évora juntou 60 duplas

Cento e vinte pessoas, participaram durante todo o fim de semana no 12º Torneio de Bridge de Évora, torneio homologado pela federação portuguesa de bridge que decorreu no Évora Hotel, e que contou este ano com a campeã mundial, a americana Connie Berg. Apesar disso a vitória coube a uma dupla portuguesa, ao número um do ranking nacional Paulo Gonçalves Pereira e Paulo Sarmento.

Em declarações ao Tribuna Alentejo, Bárbara Roquette da organização disse que em 2016 o torneio regressará a Évora e espera que seja o ano da internacionalização do mesmo: “ Vou trabalhar com as federações internacionais de forma que 2016 seja o ano da internacionalização.” Quanto à edição de 2015 diz “tivemos quatro pares do Alentejo, o que significa oito pessoas, sendo todos os restantes de fora da região”.

O Tribuna Alentejo conversou também com Marcial Rodrigues, que participou no evento e faz parte da Sociedade União Eborense, Bota Rasa que tem dinamizado o bridge em Évora: “todos os serões de segunda-feira a partir das 20:45, jogamos na nossa Sociedade. Costumamos fazer à volta de quatro mesas por serão, o que dá dezasseis jogadores regularmente, mas no total devemos ser cerca de vinte e quatro pessoas, uma vez que não são sempre os mesmos a ir”. Sobre o futuro do bridge em Évora diz Marcial Rodrigues: “Já organizámos uns torneios nacionais de bridge em Évora e estamos a pensar fazê-lo novamente, mas mais virado aqui para a região (em relação a este que ocorreu não temos nada a ver diretamente com a organização). É uma modalidade que tem vindo a crescer lentamente, ainda há uns anos tínhamos apenas duas mesas a cada segunda-feira e hoje já temos quatro. Há no entanto pessoas que não podem jogar por motivos profissionais, pois como jogamos ao serão e tem de se levantar cedo não o podem fazer regularmente como queriam. Estamos também a ponderar um projeto de formação em escolas, pois é um jogo muito educativo. Exige matemática, muito bom do ponto de vista ético, joga-se em par o que favorece o trabalho de equipa, entre outras vantagens”.

Por isso já sabe, se gosta de bridge, na Sociedade União Eborense, Bota Rasa todas as segundas-feiras a partir das 20:45.

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.