7 Fevereiro 2018      09:39

Está aqui

VIDIGUEIRA LANÇA VINHO DA TALHA DE VINHAS CENTENÁRIAS

Luís Leão, enólogo da Adega Cooperativa da Vidigueira

Chama-se Vila Alva e segundo fonte local é um vinho que vai correr o mundo pelas suas características únicas, resultado de um processo de fazer vinho também ele único e herdado dos Romanos (o vinho da talha) e com recurso a uvas brancas provenientes de vinhas com mais de 100 anos.

O Vila Alva - Vinhas Centenárias é lançado a 17 de fevereiro e é uma homenagem à freguesia do Concelho de Cuba "onde se encontram as vinhas mais antigas desta zona do país, muitas delas plantadas em datas anteriores a 1930. Vinhas antiquíssimas com produções reduzidas, mas cujos cachos têm uma refinada qualidade", como defende a Adega Cooperativa da Vidigueira em comunicado.

Luis Morgado Leão, enólogo da Adega Cooperativa de Vidigueira, Cuba e Alvito diz que «o Vila Alva foi feito a partir de uvas de vinhas centenárias, que produzem cachos mais concentrados, complexos em aromas e sabores. É por isso que o Vila Alva é um vinho único, intenso e cheio de personalidade. Produzimos nas nossas talhas um vinho totalmente diferente daqueles que a Adega produz regularmente.»

As uvas recolhidas para este Vinho de Talha vieram de apenas 6 hectares de vinhas e das castas Antão Vaz, Roupeiro, Manteúdo, Diagalves, Larião e Perrum.

A Adega Cooperativa de Vidigueira, Cuba e Alvito foi fundada em 1960 e iniciou a sua atividade em 1963, mas a sua cronologia vai muito para além dos seus 58 anos de existência.

As suas raízes entrelaçam-se com a história da própria vila, e com Vasco da Gama - o Conde de Vidigueira, a quem D. Jaime, Duque de Bragança cedeu a vila em 1519. Assim surgiram as primeiras ligações da Vidigueira com a família dos Gama.

Imagem de capa de Vida Rural.

 
CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.