8 Março 2019      10:36

Está aqui

Quebra superior a 20% na produção de azeitona vai afetar Alentejo

Em matéria de produção de azeitona era previsível que este ano ficasse aquém do ano anterior, já que 2018 foi o ano recordista na produção nacional, com 134 mil toneladas de azeitona. 2019 é o chamado ano de "contrassafra", que vai atingir inevitavelmente o Alentejo, região que produz cerca de 80% da azeitona portuguesa. As previsões de quebra na casa dos 20% já haviam sido antecipadas pelo INE em fevereiro.

E não será propriamente uma notícia assim tão má, pelo menos para a Casa do Azeite que ontem, em Beja e à margem da apresentação da 9.ª edição do Concurso Internacional de Azeites Virgem Extra da Ovibeja, através da sua secretária-geral, considerou com o país pode chegar às 180 mil toneladas de produção de azeitona nos próximos 3 anos.

 

Imagem de capa de Francisco Garcia

 

Siga o Tribuna Alentejo no  e no Junte-se ao Fórum Tribuna Alentejo e saiba tudo em primeira mão

 

 

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.