24 Fevereiro 2019      11:46

Está aqui

Odemira está preocupada com o aumento da demência

No próximo dia 27 de fevereiro, Odemira vai refletir sobre a demência.

Na Biblioteca Municipal José Saramago, a partir das 14.30h, inserida no ciclo de conferências “Conversas sobre Saúde”, esta ação pretende a sensibilização para a temática e será dinamizada pela Associação Alzheimer Portugal, abordando questões relacionadas com a sintomatologia, implicações e uma abordagem centrada nas pessoas.

Esta iniciativa é da responsabilidade conjunta entre a Unidade de Cuidados na Comunidade de Odemira / Unidade Local de Saúde do Litoral Alentejano e Município de Odemira e a participação é gratuita.

É denominado como demência os sintomas de um grupo alargado de doenças que causam um declínio progressivo no funcionamento de uma pessoa, desde a perda de memória, capacidade intelectual, raciocínio, competências sociais às alterações das reações emocionais normais.

 

Pode afetar qualquer pessoa mas a doença afeta essencialmente idosos, apesar de não fazer parte do processo de envelhecimento natural.

Dados da Organização Mundial de Saúde revelam que em todo o mundo existam 47.5 milhões de pessoas com demência e existem previsões alarmantes que referem que o número pode atingir os 75.6 milhões em 2030 e quase triplicar em 2050 para os 135.5 milhões. 

A doença mais conhecida nesta área a de Alzheimer e representa cerca de 60 a 70% de todos os casos de demência, de acordo com World Health Organization, sendo que, em Portugal, esta doença afetará perto de 182 mil pessoas com demência.

 

Imagem de acritica.com

Siga o Tribuna Alentejo no  e no . Junte-se ao Fórum Tribuna Alentejo e saiba tudo em primeira mão

 

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.