10 Janeiro 2018      14:06

Está aqui

MAIS UMA MEDALHA DE OURO INTERNACIONAL PARA UM VINHO ALENTEJANO

Pedro Pereira Gonçalves, administrador e chefe de enologia do Monte da Ravasqueira

Ainda agora o ano começou e os vinhos alentejanos voltam a ganhar destaque no International Wine Challenge 2018. Neste caso trata-se de um único vinho alentejano a alcançar o ouro na primeira tranche do International Wine Challenge (IWC) 2018, a competição de degustação cega de vinhos mais meticulosa e influente do mundo.

Falamos do Ravasqueira Reserva da Família Branco 2016, pontuado com 96 pontos, “um vinho clássico e intemporal, produzido unicamente a partir de zonas selecionadas da vinha. Feito a partir das castas Viognier e Alvarinho, com estágio em barricas de carvalho francês, este vinho demonstra bem o caráter deste terroir e trata-se também do resultado de um espírito de descoberta e de partilha de valores únicos", como o define Pedro Pereira Gonçalves, administrador e chefe de enologia do Monte da Ravasqueira, em Arraiolos.

Este é o primeiro ouro alcançado pela marca no International Wine Challenge e que coloca o Ravasqueira Reserva da Família Branco entre os melhores vinhos brancos do mundo.

Na sua 35ª edição, a IWC é considerada como a mais exigente competição de vinhos do mundo, avaliando-os de forma cega e julgando cada vinho tendo em conta o seu estilo, região e castas. Ao longo dos rigorosos processos de avaliação, cada vinho vencedor de medalhas é degustado em três ocasiões distintas por, pelo menos, 10 diferentes juízes. Os prémios incluem medalhas (Troféu, Ouro, Prata, Bronze), Prémio Recomendado e Grande Valor (Great Value). O objetivo final é identificar a excelência e dar a conhecer aos consumidores alguns dos melhores vinhos do mundo.

Imagem de capa de Raul Lufinha.

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.