25 Maio 2019      10:59

Está aqui

Hoje está um belo dia para se passar em “São Miguel”

Hoje está mesmo um belo dia para ir até à Herdade de São Miguel. O tempo lá passa mais passa devagar, típico de quando se está em boa companhia e rodeado de saberes e sabores tradicionais do Alentejo.

Hoje, as portas da Herdade de São Miguel da Casa Relvas, em Redondo, estão abertas para receber mais “Um dia em São Miguel”, um dia muito aguardado por apreciadores de vinho e amantes do campo, e do Alentejo e que promete ser diferente e muito animado.

A partir das 14h e até às 20h30, decorrerão provas de vinho, eventos relacionados com gastronomia, artesanato, música, produtos regionais, jogos tradicionais e demonstrações de artes e ofícios da região, um pequeno resumo do muito que o Alentejo tem para oferecer.

Num cenário condizente, a Herdade de São Miguel, a organização convida ao convívio ao ar livre, ao desfrutar da paisagem, das vinhas, do vinho, mas também de muitas atividades e animação de um vasto programa:

- 15h Nuno Franco, enólogo da Casa Relvas irá apresentar as “Castas de São Miguel”

- 17h será a vez de Alexandre Relvas fazer uma retrospetiva de ”15 anos de Herdade de São Miguel” e, pelas 18h30, João Paulo Martins, referência nacional no sector, conduzirá a prova “O Alentejo e as suas Talhas”, que incluirá não só os vinhos de talha da Casa Relvas, mas também outros bons exemplos desta forma ancestral de fazer vinho, atualmente com crescente procura.

Paralelamente às provas de vinhos, várias outras atividades estarão disponíveis com dois bares estarão disponíveis para servir o vinho Herdade de São Miguel, bem como águas e limonada artesanal. E o petisco também não falta, desde presunto 100% bolota ao churrasco, queijos e enchidos regionais, doces conventuais, passando pelo pão alentejano e pela escarpiada (bolo tradicional de Redondo), e mais, nem os gelados Santini irão faltar a esta festa, na comemoração dos 70 anos da marca.

A animação será permanente e, da música às artes, estará sempre algo a acontecer: jogos tradicionais, tosquia das ovelhas, rodas de oleiro, além de todo o campo para correr e brincar.

Os momentos musicais são vários e contam com o Cante Alentejano dos “Trovadores de Redondo”, pelas 16h15, e segue com o jazz animado dos “Seven Dixie”, o grupo “Os 2”, e, já pelas 18h, a animação da dupla musical de Miguel Costa e João Maria Baio.

Para fechar em grande, às 19h45, é Tim, o vocalista dos Xutos & Pontapés que sobe ao palco para um concerto acústico para a despedida.

Ao longo da tarde, poderá assistir ao trabalho de vários artesãos, que não só apresentam os seus produtos, como o típico mobiliário colorido, mas também demonstram as suas artes, como as Ruas Floridas de Redondo.

 

 

Siga o Tribuna Alentejo no  e no Junte-se ao Fórum Tribuna Alentejo e saiba tudo em primeira mão

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.