5 Março 2020      14:18

Está aqui

Dois municípios alentejanos entre os fundadores da Associação Portugal Romano

Álvaro Beijinha, Presidente do Município de Santiago do Cacém

A Câmara Municipal de Santiago do Cacém e a Câmara da Vidigueira são duas das nove autarquias que constituiem a recém-criada Associação de Municípios do Portugal Romano, integrando a sua direção. A entidade, formalmente constituída dia 3 de março, em Condeixa-a-Nova, no distrito de Coimbra, pretende preservar a herança romana e promover o turismo cultural.

O processo partiu da Câmara Municipal de Condeixa-a-Nova que endereçou o convite para que Santiago do Cacém fizesse parte de uma associação que valorizasse esse património e promovesse as suas potencialidades turísticas. “O que se pretende fazer com esta Associação é criar um roteiro de Municípios com presença Romana, o que do ponto de vista da valorização do património e do turismo é importantíssimo,” sublinha o Autarca.

A Associação pretende ser um veículo para conseguir agregar vontades e para reivindicar um programa específico no próximo quadro comunitário. Entretanto, já existem mais municípios interessados em integrar o projeto. Entre os objetivos estão a criação da Rota do Romano e estabelecer parcerias europeias, particularmente com a Rede de Cidades Romanas do Atlântico.

O Presidente da Câmara Municipal de Santiago do Cacém, Álvaro Beijinha, sublinhou que “tendo nós, no nosso Concelho, o sítio arqueológico de Miróbriga, que regista 15 mil visitas anuais, e que é de facto um dos expoentes máximos a nível nacional do Romano, há mesmo quem afirme que é dos mais relevantes a seguir a Conímbriga, fazia todo o sentido integrarmos esta Associação”.

Álvaro Beijinha considerou que a questão mais importante “é a promoção e valorização do património, que estes municípios possuem”. Acrescentando que “temos a obrigação de criar e potenciar uma rede de municípios que possa valorizar este património, e criar perspetivas de financiamento comunitário”. O Autarca prevê que a Associação de Municípios do Portugal Romano desenvolva “um trabalho em rede e articulado para a valorização da presença romana no país, que foi um momento importante na História”.

Integram a Associação de Municípios do Portugal Romano, como fundadores, as Câmaras Municipais de Ansião, Braga, Oliveira do Hospital, Penela, Santiago do Cacém, Seixal, Tomar e Vidigueira. De acordo com os estatutos, a Associação tem por fim “a promoção de uma ação cultural e social constante, tendo em conta a existência de uma herança romana como valor identitário do nosso país, bem evidenciado nos monumentos romanos do território dos municípios associados”.

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.