15 Abril 2017      13:15

Está aqui

"DIZER O INDIZÍVEL PARA QUÊ?"

“Dizer o indizível para quê?” – é a questão que dá azo ao debate que acontecerá na Casa da Rua de Burgos, em Évora, a 18 de abril, pelas 18:30h e que surge no âmbito das comemorações do Dia Internacional dos Museus, a 18 de maio, e que tem por mote: “Museus e histórias controversas: dizer o indizível em museus”.

Participarão nesta iniciativa as convidadas Ana Carvalho (Museóloga), Ana Cristina Pais (Direção Regional de Cultura do Alentejo), Filipa Oliveira (Fórum Eugénio de Almeida), Carla Barroseiro (Centro Interpretativo do Tapete de Arraiolos) e o debate conta com a moderação de Ana Rita Costa (Museóloga, Acesso Cultura).

Que histórias serão essas que não se dizem? Porque é que devemos (ou não) contá-las? Terão todos os museus histórias controversas a contar? A quem cabe contá-las? – as dúvidas suscitadas por todas estas questões serão base para a reflexão sobre o que devemos ou podemos esperar dos nossos museus, como profissionais e como visitantes.

Os debates realizar-se-ão em simultâneo em Évora, Lisboa, Porto e Portimão e a entrada é livre.

 

Imagem de artedezpontoum.webnode.com

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.