18 Março 2016      17:56

Está aqui

CANTE ALENTEJANO COM GROOVE

Para ajudar a promover e preservar o Cante Alentejano, Património Mundial da UNESCO, a Casa do Cante de Serpa e o Conservatório Regional do Baixo Alentejo (CRBA) celebram hoje um protocolo no âmbito do “GROOVE Alentejo 2016 – 1º Festival Internacional de Percussão”, integrado no Plano de Salvaguarda do Cante.

A assinatura deste protocolo visa o prosseguindo da estratégia de preservação desta forma de cantar, perpetuando a tradição oral que a carateriza. Promovendo a divulgação do cante, a nível nacional e internacional, através do contributo do CRBA.

A cerimónia a decorrer hoje na Casa do Cante de Serpa, conta ainda com a interpretação da peça “Três minutos para um bailado de marionetas sobre uma moda alentejana”, de Roberto A. Pérez, para instrumentos de percussão, (pelos alunos do CRBA: Alexandre Branco, André Gomes, Francisco Guerreiro, Mário Baião e Margarida Santos).

A Casa do Cante de Serpa é a entidade gestora da candidatura do Cante Alentejano à lista representativa do património cultural imaterial da humanidade, apresentada pelo Estado Português à UNESCO em 2013. Por sua vez o projeto “GROOVE Alentejo – Festival Internacional de Percussão”, da responsabilidade do CRBA, é apoiado pela Direção Regional da Cultura do Alentejo, e associados do CRBA.

No campo da criação artística o Festival promove ainda um Concurso Internacional de Composição para Instrumentos de Percussão. Que consiste na criação de uma obra para solista (marimba/vibrafone) com acompanhamento de grupo de percussão, baseada na melodia de tradição oral, que na 1ª edição recaí sobre o “Cante ao Menino” de Peroguarda, fragmento fundamental do cante alentejano.

Imagem: Grupo Coral da Freguesia de Monsaraz

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.