5 Janeiro 2019      12:00

Está aqui

Beja comeu um bolo-rei com 42 metros

Se fosse colocado na vertical, seria mais alto que a Torre de Menagem do Castelo de Beja este bolo-rei de 42 metros.

Em resposta ao desfaio lançado pela autarquia, a centenária pastelaria Luiz da Rocha não só fez 40 metros de bolo, como acrescentou mais dois metros, em simbolismo pelos dois anos em que esta iniciativa se leva realizando.

Foram necessárias cerca de 12 horas de trabalho e 40 funcionários da pastelaria para fazer este bolo de 150 quilos uma realidade e que para o qual foram necessários: 45 kgs de farinha, 12 kgs de açúcar, 12 kgs de manteiga, 42 kgs de fruta calda, 8 garrafas vinho do porto, 10 litros leite, 140 ovos, 9 kgs fermento, 1,5 kgs de passas de uva, 1,5 kgs de sultanas, 1 kg de pinhão, 1 kg de nozes e 1,5 kgs de caju.

Dividido em troços em 72 troços, com aproximadamente dois quilos cada – e que foi dividido pela comunidade e crianças dos infantários, na tarde de ontem, sexta, na Praça da República, e animação e baile.

 

Diz-se que a tradição do bolo-rei tem perto de 2000 anos e que remonta à época romana, quando, na época que hoje se celebra o Natal, os romanos homenageavam Saturno nas Festas Saturninas.

Nestas festas era eleito um rei das mesmas. Sabe como? O rei era o que, por sorte, lhe calhasse a fava do bolo. Dada a coincidência de datas com o Natal, após a cristianização de Roma, o bolo passou a ser relacionado com o Natal e com os reis magos e chegou mesmo à corte de Luís XIV, em França, sendo o predileto para celebrar as festas do Ano Novo e do Dia de Reis, vendo o seu nome ser alterado com a Revolução Francesa para Gâteau dês Sans-culottes.

Em Portugal, o bolo-rei chegou no séc. XIX e foi a Confeitaria Nacional, em Lisboa, a primeira a produzi-lo. por volta de 1870 e com a revolução republicana de 5 de Outubro de 1910, a designação foi também alterada por alguns para "bolo de Natal" ou "bolo de Ano Novo", ou até mesmo "bolo-presidente" e "bolo-Arriaga", no entanto, foi a designação antiga que nos chegou até aos dias de hoje.

 

Imagem de vozdaplanicie.pt

Siga o Tribuna Alentejo no  e no Junte-se ao Fórum Tribuna Alentejo e saiba tudo em primeira mão

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.