9 Janeiro 2020      10:08

Está aqui

Antigo hotel de Vítor Baía em Évora vai ser inaugurado em junho

O antigo guarda-redes do Futebol Clube do Porto e da Seleção Nacional investiu uma quantia difícil de apurar num sonho de hotel que acabou por se revelar um pesadelo para o antigo atleta. Diferendos entre sócios e com a construtora resultaram em processos em tribunal e condenações que deixaram Vítor Baía num aperto financeiro e criaram uma situação de impasse ao hotel de luxo em Évora, cujas obras terminaram em 2012.

Um acordo entre Baía e um fundo de investimento permitiram ao primeiro livrar-se de 14 milhões de euros em dívidas, sendo que o hotel foi entregue à DHM - Discovery Hotel Management, que agora prepara a abertura desta unidade de luxo, a menos de 20 km da cidade património mundial.

Segundo a edição de ontem do Expresso 15 de junho é a data apontada para a inauguração do Évora Farm Hotel. O novo hotel vai integrar a categoria “Design Collection” da DHM, que inclui, entre outras unidades, o Vila Monte Farm House, o Douro 41 – Hotel & Spa e o Azor Hotel. Apesar de algum secretismo sobre o Évora Farm Hotel, integrado na Herdade do Perdiganito, com 11 hectares, já se sabe que o hotel vai contar com 56 unidade de alojamento, entre várias tipologias para famílias e cinco villas T3. A vertente familiar é uma aposta assumida com diversos programas em preparação, mas também pormenores diferenciadores como um kids check-in na receção, além de uma área de lazer vocacionada para os mais novos, que vai incluir atividades na quinta. Restaurante, piscinas (interior e exterior) e Spa completam a oferta do novo Évora Farm Hotel.

 

 

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.