15 Agosto 2019      09:59

Está aqui

Aeronáutica de Grândola recebe 8 milhões de euros de cofinanciamento

O Ministério do Planeamento e Infraestruturas homologou o apoio do Programa Operacional COMPETE 2020 ao investimento de 33 milhões de euros da empresa LAUAK. Este apoio vai contribuir para a implementação de uma nova unidade do setor aeronáutico em Grândola.

O cofinanciamento de 7,9 milhões de euros do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional vai apoiar a criação de 274 novos postos de trabalho, cerca de 70 dos quais altamente qualificados, e possibilitar exportações no valor anual de 30 milhões de euros, sendo "objetivo" da empresa acolher cerca de 600 trabalhadores após 2023.

A fábrica de Grândola vai ter três linhas autónomas de produção, sendo a primeira vocacionada para a produção de peças destinadas ao avião A320 da Airbus, estando também previsto posteriormente o fornecimento de componentes para o modelo A330 e o Falcon.

Este projeto, negociado ao abrigo do Regime Contratual com a AICEP, soma-se ao lote de 150 milhões de euros de outros investimentos empresariais a realizar no Alentejo aprovados no último Concurso geral do SI Inovação.

 

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.