10 Outubro 2018      17:24

Está aqui

Adega principal do Esporão dedicada ao Monte Velho após investimento de 3,5 milhões de euros

A Herdade do Esporão, de Reguengos de Monsaraz, investiu 3,5 milhões de euros na sua adega principal de vinhos tintos, que agora está integralmente dedicada ao icónico Monte Velho, tendo por isso recebido esse mesmo nome. A mudança prende-se com a estratégia do Esporão em modernizar e separar os processos de produção que dão origem ao três adegas distintas, dedicadas aos vinhos tintos, brancos e lagares.

Para além do aumento da capacidade de produção o Esporão pretende "atingir novos patamares de qualidade, reduzindo o período de vindima em 2 semanas, fazendo fermentações mais prolongadas e investindo na flexibilidade e eficiência produtivas, aumentando em 50% a capacidade produtiva desta adega, dando resposta ao crescimento presente e futuro”, segundo João Roquette, administrador do Esporão.

O projecto da nova Adega Monte Velho resulta da experiência e conhecimento acumulados ao longo de três décadas: a tecnologia mais avançada e adaptada exclusivamente à produção de Monte Velho tinto, uma maior flexibilidade e controlo para a total rastreabilidade e separação dos vinhos certificados em produção biológica, foco nas questões da gestão de temperatura e energia.

 

Siga o Tribuna Alentejo no  e no Junte-se ao Fórum Tribuna Alentejo e saiba tudo em primeira mão

 

 

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.