4 Dezembro 2018      11:03

Está aqui

3 M/€ criam a “Grande Rota do Montado”

A "Grande Rota do Montado" foi anunciada na Feira do Montado, em Portel, que decorreu no passado fim de semana, tendo sido assinada entre a Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central (CIMAC) e a INFRAESTRUTURAS DE PORTUGAL – IP PATRIMÓNIO a Subconcessão de Ramais Desativados do Alentejo Central para a realização deste projeto.

São cerca de 200 km de canais ferroviários que passarão a ser geridos pela CIMAC e que serão transformados em ecopistas.

O projeto integra 9 dos 14 concelhos do Alentejo Central: Arraiolos, Borba, Estremoz, Évora, Montemor-o-Novo, Mora, Redondo, Reguengos de Monsaraz e Vila Viçosa.

No total, a Grande Rota do Montado terá mais de 1100 km de extensão e será um conjunto de rotas pedestres e cicláveis de grande beleza e única no país por permitir caminhar apenas por ecopistas.

Este é um projeto intermunicipal incluído no Pacto para o Desenvolvimento e Coesão Territorial do Alentejo Central (PDCT-AC), financiado por Fundos Comunitários Regionais num montante total elegível de 2.754.999,34€, comparticipado a 85% (o que resulta num FEDER de 2.341.749,44), e pela Autoridade de Gestão do ALENTEJO 2020 no mês passado.

 

Siga o Tribuna Alentejo no  e no Junte-se ao Fórum Tribuna Alentejo e saiba tudo em primeira mão

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.