5 Julho 2015      12:37

Está aqui

10 PALAVRAS QUE NÃO DEVE USAR NUM EMAIL

Receber 9072 mails num só mês é algo impressionante! Mas foi isso que aconteceu a Josh Brandon, editor de Tecnologia Inc.com, sendo esse número a media de e-mails que recebe, mesmo sem contar com os mail de publicidade e atualizações das redes sociais.

Dado o número elevado de e-mails que recebe, Brandon apercebeu-se da necessidade de ser mais hábil e pragmático na separação e leitura destas mensagens, mas mais que isso, de não dar uma imagem de falta de confiança.

Recebendo, além dos e-mails, ainda umas boas dezenas de chamadas, todas a tentar apresentar um novo produto da área informática, a tentar conseguir uma opinião ou a apresentar uma ideia de negócio que parece perfeita aos olhos do criador. A maior parte destas chamadas caracterizam-se por ser diretas ao assunto mas outras quantas chamadas e mensagens revelam alguma hesitação e isso põe em causa a credibilidade/capacidade de quem apresenta, e, em consequência, a qualidade do produto ou da ideia.

Brandon identificou nestas mensagens 10 palavras-chave que podem revelar falta de confiança num e-mail e que criam a necessidade de esclarecimentos extras ou que provocam o desinteresse imediato.

 

1. Talvez

É preciso cuidado ao utilizar esta palavra sobre nós ou qualquer assunto que se trate, pois abre espaço á dúvida. Ninguém porá em causa a sua capacidade por não capaz de resolver todos os males do mundo, pois aí aceitar-se-ia o “talvez”, não numa simples e-mail que apresenta um produto ou ideia. “Talvez” mostra que faltam competências, que se gere mal o tempo ou que se têm demasiadas prioridades.

 

2. Não (qualquer coisa; princípio de cortesia)

A sua não utilização num e-mail é demasiado óbvia; qualquer pessoa que diga “não será”, “não poderei estar” etc. provoca vibrações negativas. É necessário ser-se mais perentório: ou é, ou não é; ou se está, ou não se está. Não demonstre hesitação.

 

3. Normalmente

Palavra-chave que revela que não se tem conhecimento completo do que se apresenta! Ao utilizar-se significa que não se está a dizer toda a verdade e que há algo mais além do revelado.

 

4. Desconfio/Suspeito

A menos que se trate de um julgamento estas palavras não devem ser utilizadas. Devem ser utilizados palavras diretas que mostrem que estamos na plenitude dos factos e ações concretizadas e que a nossa apresentação se baseia em algo concreto e não dúvidas.

 

5. Impossível

Podemos apostar que os grande inventores e empreendedores nunca utilizaram esta palavra. Se se escreve num e-mail, o seu recetor perde a confiança em si num abrir e fechar de olhos. Justifique claramente porque é que algo pode ser difícil ou não correr como previsto. Não perca tempo a explicar o que é “impossível”, isso aborrece.

 

6. Preocupado

Preocupados acabamos por estar todos; cada qual com a sua preocupação, pelo que não deve dizer num e-mail que está preocupado pois será demonstrativo de falta de confiança nas suas capacidades. Pode até estar preocupado, mas não precisa dizê-lo a ninguém, explique que se preocupa, mas ofereça soluções.

 

7. Confuso

Revelar confusão cria mais confusão. Melhor e mais eficaz explicar o que lhe cria a confusão, a dúvida, e fazer perguntas. Dizer "estou confuso” mostra que a mensagem não passou e isso pode fazer questionar a sua inteligência e competências no tema.

 

8. Preciso de… (expressar necessidade)

Todos temos necessidades e todos precisamos de alguma coisa; expressá-lo por e-mail repetidamente mostra desespero. Seja mais direto.

 

9. Dilema

Dilema é superior a dúvida, se está num dilema é porque não tem certeza nenhuma de alguma coisa, e isso não é bom quando se pretende passar uma mensagem de autoridade e/ou conhecimento.

 

10. Provável

Poucos saberão algo sobre a adivinhação, mas se utilizarmos “provável” no e-mail estaremos a mostrar que não sabemos ao certo se algo vai acontecer, ou se algo será de determinada forma., e que não temos todos os dados. Parecerá falta de confiança.

 

Com o apoio da agência:

 

 

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.