Está aqui

Páscoa

A PAIXÃO DE CRISTO

Carregou realmente uma cruz? Alguma investigação encontrou realmente o corpo de Jesus? São só duas questões que muitas pessoas terão colocado, independentemente da sua crença.

No cinema a paixão e a morte de Cristo já foi vista em inúmeras ocasiões, por vezes, de modo substancialmente diferente.

Uma das mais marcantes foi sem dúvida a “Paixão de Cristo”, realizada em 2004, por Mel Gibson, e cuja dureza do filme lhe valeu ser considerado antissemita pela comunidade judaica.

Mas o que se terá passado realmente naqueles dias? O diário espanhol ABC, na sua edição de ontem, 2 de abril, consultou vários especialistas em Fisiologia, História e nas Sagradas escrituras e questionou-os sobre os mitos e as verdades em torno da morte e ressurreição de Jesus.