Está aqui

Opinião

THE KEEP DE MICHAEL MANN

The Keep (1983), Michael Mann

Um filme de horror – foi-me dado a ler num momento de acaso. Sobre o sinistro destino de um batalhão nazi perto do final da guerra. Esquecidos nos confins da Roménia, ocupam um castelo e inadvertidamente libertam uma entidade milenar e demoníaca presa nas suas catacumbas. Para a combater, procuram a ajuda disponível, um professor de História e a sua filha, não sem ironia judeus, e ainda um louco que diz saber como destruir esse demónio.

NÃO POSSO E NÃO QUERO SER NICE

É verdade que a cada semana uma nova onda de terror nos assola. Também é verdade que a nossa solidariedade para com as vítimas se faz notar, principalmente nos dias seguintes (principalmente até nos voltarmos a esquecer), em ondas de estupefacção, pedidos de cessar-fogo ou na justa e sempre muito eficaz promessa de violência para com os violentos. – Note-se que, devido a essas promessas e a essa vontade de olho por olho, o mundo é um local realmente mais pacífico hoje.

NEWTONIANOS VERSUS REFRATORES

A propósito da minha participação, no passado dia 4 de Junho de 2016, no AstroCoruche, resolvi escrever um pequeno artigo sobre telescópios e o poder ampliador dos telescópios (próximo artigo).

A invenção do telescópio é associada a um fabricante de lentes do século XVI, de nome Lippershey. A sua aplicabilidade à ciência deve-se a Galileu, quando o usou na observação de Júpiter (e suas luas), ao Sol, …!

Galileu criou diversas versões de telescópios mas todos refractores. A criação do telescópio reflector, deve-se a Newton.

A FÉ DE CADA UM

Por mais descrente que um homem possa parecer, há vezes em que toda força falha. Incapazes de disciplinar nossos sentimentos, buscamos auxílio em coisas que não podem ser vistas ou tocadas. Esse é o significado da fé: mover de montanhas, motivar legiões. Afinal, existe um Ser Superior ou somos vítimas de conspirações humanas que durante milênios nos conjuraram mentiras?

NEM RONALDO AGRADOU A TODOS

Costuma-se dizer que o futebol é uma religião. Se for, está cheia de profetas e de alguns deuses, fora os milhares de apóstolos. Alimenta a crença e a esperança de milhões de seguidores e arrasta multidões para a celebração do seu espetáculo. O futebol tem tanto de apaixonante como de controverso. É um desporto, como todos os outros, que alimenta lágrimas, suores e cânticos. Preferências e loucuras exacerbadas. Quem é mais livre, aquele que nunca chutou uma bola na vida, ou o adepto que contraria todas as regras da ponderação e gasta as suas poupanças para assistir à final do próximo europeu, onde Portugal enfrenta a França?

O GRANDE COELHO BRANCO

O mágico pavoneia grande habilidade. Muitos anos de estrada. A cada truque, olhares inquietos prospectam-se na sala de espetáculos. Ali, ele era o rei e todos obedeceriam ao torvelinho de ilusão. O show, entretanto, se encaminhava ao gran finale. De dentro da cartola negra, que parecia vazia até então, brota um enorme coelho branco, puxado pelas peludas orelhas. Um desfecho digno, dignitário de um grande artista.

OS VELHOS DE INGLATERRA

Na ressaca do referendo em que democraticamente os Ingleses disseram “Não” à União Europeia, muito se tem falado, escrito e comentado.

Eu obviamente não o poderia deixar de fazer na minha crónica de hoje.

O REI DE OURIVES

Não há pessoa no mundo que consiga fugir de uma monarquia incrustada no cerne político e econômico da sociedade humana. O Rei de Ourives é feito de ar. Envolve-nos, inebria-nos. Induz nossa liberdade de escolha. Ele possui uma capacidade de domínio inédita: a do convencimento por meio da propaganda massiva e científica. Não, não se trata de uma pessoa, mas sim de um conceito. Um conceito global.

 

IDADE DOS "PORQUÊS”

É com alguma frequência que ouvimos as personalidades mais ilustres da sociedade declarem que a necessidade de pensamento crítico deve ser a principal motivação dos jovens de hoje.

Pergunto-me, então, por que razão existe a necessidade de condensar todo o espírito inquisitivo numa só idade da nossa vida? Porque é que a sociedade teima em obrigar as mentes jovens a serem apenas curiosas na sua infância, período esse, durante o qual as perguntas e dúvidas dos mais novos tendem a ser desvalorizadas.

HOJE É O DIA MUNDIAL DO…

O caro leitor sabia que existe um Dia mundial da Canalização? Ou ainda um Dia Internacional do Fetiche? Do Engolidor de Espadas? Do Pi? Do Duende? Um Dia Mundial da Migração dos Peixes? Um dia Internacional da Prostituta?

Também existem assuntos mais pragmáticos como, por exemplo, o Dia de Limpar o Computador, o Dia do Backup, o Dia Mundial do Whisky, o Dia Mundial da Higiene das Mãos, entre outros, que aparentam ter, pelo menos, uma vantagem manifesta: a de nos recordar algo mais imediatamente útil.

Páginas