Está aqui

moda

2 ANOS DO CANTE COMO PATRIMÓNIO DA HUMANIDADE ASSINALADOS EM CUBA

Será com o XIX Encontro anual da Associação do Cante Alentejano e com a inauguração da nova sede da Associação do Cante Alentejano – MODA que Cuba vai assinalar a data que marca a distinção do Cante Alentejano como património Mundial da UNESCO.

A inauguração acontecerá dia 26, pelas 12:30h, em Cuba.

Durante a manhã, no Centro Cultural de Cuba, acontecerá o XIX Encontro anual e que conta com um debate em torno do tema “o cancioneiro tradicional alentejano” –

com intervenções dos elementos da direção da MODA, do Prof. José Rodrigues dos

A CORTIÇA CHEGOU À MODA E ESTÁ PARA FICAR

Nasceu em S. Braz de Alportel, Algarve, mas trabalha com um material que mais ninguém tem em tanta quantidade e qualidade como nós, a cortiça. E fá-lo de uma forma tão inovadora que já chegou a Shangai, teve destaque numa cimeira organizada pelo Presidente Obama, criou para a Nato, para o próprio Obama e para Angela Merkel, e recebeu distinções do Parlamento Europeu, entre outras. Falamos da Pelcor, a marca portuguesa de artigos de cortiça que lançou a primeira peça "fora da caixa", o Pelcor Cap.

VADA, tradição e inovação. Made in Alentejo

Dois jovens, ela Valentina e ele Daniel, com fortes ligações ao Alentejo, artesãos de alma e coração, criaram há dois anos a VADA, em S. Pedro do Corval.

Uma visita ao perfil do facebook da VADA explica que: VADA aponta a combinação de detalhes refinados e inovação das formas com a antiga tradição do artesanato de acessórios de couro e pele. Na base de todos os acessórios está o uso de câmaras-de-ar e outros materiais recuperados exclusivamente para dar vida a formas únicas bem como as suas histórias. O intuito é combinar a necessidade de um consumo consciente que prolongue a vida útil dos materiais com a pesquisa estética de que, por vezes, se sente a falta na chamada moda ecológica.

Conversámos com a Valentina, que nos contou tudo.

Ó rama, ó que linda rama

“Eu gosto muito de ouvir
Cantar a quem aprendeu
Se houvera quem me ensinara
Quem aprendia era eu
Ó rama, ó que linda rama
Ó rama da oliveira”

Meu lírio roxo do campo

"Meu lírio roxo do campo,
criado na primavera,
desejava, amor, saber,
ai, ai!,
a tua intenção qual era."

"É tão grande o Alentejo"

"É tão grande o Alentejo,
tanta terra abandonada!...
A terra é que dá o pão,
para bem desta nação
devia ser cultivada."

Hino dos Mineiros de Aljustrel

A exploração de metais em Aljustrel data dos finais do 3º milénio a.C., durante a Idade do Cobre e posteriormente há também vestígios de ocupação romana. Em 1252, a Ordem de Santiago da Espada reservou para si os rendimentos da mina.

"Fui-te ver, estavas lavando"

"Fui-te ver, estavas lavando
No rio sem "assabão"
Lavaste em água de rosas
Ficou-te o cheiro na mão."

Senhora Cegonha

Do latim Ciconia ciconia, a cegonha-branca é uma conhecida ave dos céus alentejanos. Caracterizada pela sua tonalidade branca e preta e o seu bico vermelho esteve em risco de extinção mas um programa de proteção fez com que se reproduzisse e voltassem a povoar os céus, árvores, chaminés e campanários das igrejas de norte a sul de Portugal.

"Aldeia Nova"

“Não tem perdão minha mãe,
Condenou-me a viver:
Sou trabalhador d'enxada,
Fui condenado ao nascer.”

Páginas