Está aqui

Manifestações

MANIPULAR E COAGIR ALUNOS NÃO É DIGNO DE UMA ESCOLA

Escolas que obrigam crianças a ir a manifestações, utilizando psicólogos ou padres para as manipular e coagir, merecem ser fechadas. Tenho ouvido todo o tipo de argumentos, todo o tipo de queixume e celeuma, televisionada ou pessoalmente, e tenho, apesar de tudo, procurado manter uma certa serenidade sobre uma questão tão marginal que não merece, definitivamente, o tempo de antena que lhe é dado: 1,5% dos colégios privados, que não terão novos, repito, novos contratos de associação, e que equivalem a 0,4% de todo o universo de ensino Português, não merecem tanta ou nenhuma atenção. A não ser quando começam a violar direitos das crianças, a usurpar dinheiros públicos, querendo perpetuar as suas relações políticas privilegiadas, de forma promíscua, em prol do seu lucro e em detrimento do Serviço Público de Educação.