Está aqui

Luís Godinho

ÁRBITRO ALENTEJANO VAI APITAR JOGO DA LIGA EUROPA

O árbitro alentejano Luís Godinho, natural de Borba, vai arbitrar jogo da primeira mão da primeira pré-eliminatória da Liga Europa de futebol, na quinta-feira, anunciou hoje a UEFA. Luís Godinho, da associação de Évora, vai arbitrar os polacos do Lech Poznan com os macedónios FK Pelister.

BIOGRAFIA DE ANTÓNIO ARNAUT APRESENTADA EM REGUENGOS DE MONSARAZ

António Arnaut, considerado o “pai” do Serviço Nacional de Saúde (SNS), vai estar presente no dia 25 de abril, pelas 17h30, na Feira do Livro de Reguengos de Monsaraz para a apresentação da sua biografia, um livro da autoria dos jornalistas Luís Godinho e Ana Luísa Delgado, no mesmo dia em que é homenageado pelo município alentejano com a Chave de Honra.

ÁRBITRO ALENTEJANO CHEGA À ELITE INTERNACIONAL

Em 2017, o futebol português vai manter os seus 34 árbitros internacionais na UEFA e um deles, Luís Godinho, é alentejano.

Ao TRIBUNA ALENTEJO, Luís Godinho revelou toda a sua satisfação com esta nomeação dizendo que “É um momento pelo qual trabalhei muito, pelo qual sonhei muito e que agora se realizou!”

GNR EM ÉVORA: PERTO DA VISTA, PERTO DO CORAÇÃO

Numa peça para a SIC, assinada pelo alentejano Luís Godinho, ficamos a conhecer o esforço que está a ser feito pelo Comando Territorial da GNR no distrito de Évora desde que foi accionado o Posto Móvel da GNR e de como a ideia está a ser bem recebida pela população das freguesias e aldeias mais distantes dos centros urbanos.

LUÍS GODINHO, UM ÁRBITRO ALENTEJANO DE PRIMEIRA

Estavamos a 18 de Junho deste ano quando ficámos a saber que Luís Miguel Branco Godinho, natural de Borba (Évora), com 29 anos, subia ao principal escalão da arbitragem nacional, prestigiando a Associação de Futebol de Évora, que voltou assim a ter um árbitro na 1.ª categoria nacional, depois de José Pratas, Bento Marques, Jacinto Paixão, José Godinho e Luís Catita.

 

Desde então ficou combinada uma entrevista com o jovem árbitro, que agora concretizamos. 

Tribuna Alentejo: Quando e como começou o percurso na arbitragem, Luís?