Está aqui

Estatística

A FANTÁSTICA FORMA COMO OS ESTUDOS ESTATÍSTICOS ENVIESADOS ME FAZEM RIR

Na semana passada, a minha (pequena) crónica foi sobre a festa organizada na minha Escola, que conseguiu angariar mais de 100 kg de alimentos e praticamente 700 euros, que permitiram aconchegar o Natal a algumas pessoas (e também animais). Mas, quando comparado com os milhares que o negócio do Natal faz circular, como diria o outro, isto são apenas “peaners” (seja lá o que isso for ou como se escreve).

IP BEJA ASSINALA DIA MUNDIAL DA ESTATÍSTICA

Dia 20 de outubro celebra-se o Dia Mundial da Estatística - proclamado pela Assembleia Geral da ONU para reconhecer a importância da Estatística nas nossas sociedades.

O auditório da Escola Superior de Tecnologia e Gestão do Instituto Politécnico de Beja receberá, nesse dia, às 11h30m, o seminário “Estatística e Sociedade” e que pretende, além de marcar este dia, dar a conhecer alguns dos múltiplos contributos da Estatística para o conhecimento e compreensão do mundo que nos rodeia.

JÁ CHEGOU A PORDATA PARA CRIANÇAS

Sabia que se gasta hoje mais água que em 1991? Que consumimos menos energia desde 2010? Que cada família gasta, em média, anualmente, 28.381,2 euros? Ou que em Portugal vivem 10.401.062 pessoas?

OS NÚMEROS NÃO MENTEM

Uma das faces mais visíveis da Estatística são os gráficos que proliferam nos meios de comunicação social para apresentar dados económicos, políticos ou outros.

QUERIDO EMIGRANTE, É MUITO MAIS QUE UM ADEUS

O Verão já vai para finados e não podia deixar de evocar neste período estival o nosso querido Emigrante.

Conheço, infelizmente muitos portugueses que mais ou menos forçosamente decidiram procurar um novo rumo para as suas vidas. E esta escolha que muitas vezes não é mais que uma imposição ditada pelas suas mais básica necessidades e direitos, influencia tanta coisa, não apenas na vida particular do emigrado, mas da conjuntura económico-social do seu pais de origem.

ECONOMIA CRESCEU 1,6% NO 1º TRIMESTRE

A Economia nacional terá crescido 1,6% no segundo trimestre e, no segundo, e de acordo com estimativas do INE divulgadas esta semana, o PIB (Produto Interno Bruto) subiu 1,5% no segundo trimestre em relação ao mesmo período de 2014.

ALTO ALENTEJO LÍDER NA QUALIDADE AMBIENTAL

A análise do Índice Sintético de Desenvolvimento Regional, referentes a 2013, foi hoje divulgada pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) e revelou que, ao nível do índice de qualidade ambiental, o Alto Alentejo é líder (110,72), imediatamente à frente da Região Autónoma da Madeira (110,22), Trás-os-Montes (108,61) e Beiras e Serra da Estrela (109,42).

O estudo, que este ano incidiu sobre 25 regiões Nomenclatura das Unidades Territoriais para Fins Estatísticos (NUTS) III – facto pelo qual não permite a comparação com estudos anteriores – revela ainda outros dados interessantes, embora espectáveis, como a liderança da Área Metropolitana de Lisboa (AML) no índice de desenvolvimento regional (106,84), logo seguida do Alto Minho (102,24), Área Metropolitana do Porto (101,15) e Região de Aveiro (101,02).