Está aqui

Cães

ALENTEJO PODERÁ ACOLHER GALGOS DE CORRIDA

Parece um pouco estranho à partida, mas é isso mesmo que a Anima – Sociedade Protetora dos Animais -  pretende com a construção de um centro de realojamento. O objetivo inicial é acolher os galgos do Canídromo de Macau que será encerrado em 2018.

Com o término da concessão do Canídromo à Companhia de Corridas de Galgos de Macau, cerca de 700 animais vão ficar sem lar e a intenção da organização Anima é facilitar a sua adoção e distribuição pela Europa, evitando o abandono destes animais.