Está aqui

Lazer

ELVAS É CAPITAL NACIONAL DO PARAQUEDISMO

Este fim de semana, mais de três dezenas de paraquedistas, vão cobrir o céu da cidade de Elvas.

Distribuídos por sete equipas, estes paraquedistas - a participar no 11º Torneio de Paraquedismo “Cidade de Elvas” e na 5ª etapa da etapa da Taça de Portugal da modalidade – vão realizar mais de 200 saltos e o público vai também poder assistir a demonstrações de parapente a motor.

O evento é organizado pela Associação de Paraquedistas do Alto Alentejo, e conta com a Câmara Municipal de Elvas como parceira.

EM CASTELO DE VIDE HÁ COLEÇÕES DE TUDO

O Segundo Encontro Internacional de Colecionadores reúne, este fim de semana, em Castelo de Vide, perto de meia centena de colecionadores, maioritariamente portugueses e espanhóis.

No Pavilhão Municipal, os colecionadores de inúmeras coisas – de moedas, a pacotes de açúcar, passando por porta-chaves, calendários, canetas e muitas outras coisas – poderão trocar e negociar entre si, e com os interessados, inúmeros objetos.

 

Imagem de sonharcom.net

HÁ DUAS VILAS ALENTEJANAS ENVOLVIDAS NO "BOM DIA CERÂMICA"

Redondo e Viana do Alentejo juntam-se este fim de semana a mais de uma centena de cidades da Europa para participar na iniciativa criada em Faenza, Itália e que pretende alavancar o sector cerâmico na europa. Falamos do projeto piloto "Bom Dia Cerâmica", criado pela associação italiana de cidades cerâmicas, e que se alarga este ano a países europeus com associações congéneres.

A iniciativa decorre entre hoje e domingo e envolve no total 8 cidades e vilas nacionais.

VIHLS COM MURAL EM BEJA

Alexandre Farto, mais conhecido por Vhils, trabalha em arte urbana um pouco por todo o mundo. Na segunda edição do Festival Beja na Rua, festival de arte pública que celebra as artes na rua entre 16 de junho e 15 de julho, o grafitter deixará obra sua em Beja - até ao momento a única no Baixo Alentejo.

PORTEL RECEBEU CAMPEONATO NACIONAL DE ÁGUAS ABERTAS

O passado fim de semana em Portel foi inteiramente dedicado à modalidade de natação.

Sábado, tiveram lugar as provas regionais escolares que decorreram na piscina coberta e que envolveram mais de cem atletas, mas o grande destaque foi mesmo para a prova do campeonato nacional de Natação em Águas Abertas, a qual contou com dois dias de competição e com mais de 200 atletas na Amieira Marina e onde José Carvalho e Angélica André se sagraram campeões nacionais absolutos dos 5 km na prova da Amieira Marina.

ÉVORA: TAPETE DE ARRAIOLOS DE 120 M2 VAI COBRIR LARGO DO TEMPLO ROMANO

Numa acção de promoção sem precedentes a Direção Regional de Cultura do Alentejo e a Câmara Municipal de Arraiolos vão apresentar amanhã, 2 de junho, O Tapete está na Rua 2017, cobrindo o Largo Conde de Vila Flor, em frente ao Templo Romano de Évora, com um tapete de Arraiolos de 120 m2.

A iniciativa é feita no contexto das acções de salvaguarda, divulgação e valorização do Tapete de Arraiolos e dos festejos do "O Tapete está na Rua", edição de 2017, que decorrerá entre os dias 8 e 18 de junho na vila de Arraiolos, no Alentejo Central.

BEJA REVIVE IMPONÊNCIA DOS SEUS TEMPOS ROMANOS

O Centro Histórico de Beja prepara-se para reviver a grandeza e imponência de Pax Julia, a cidade romana influente na península ibérica num período que vai sensivelmente desde o século II antes de Cristo até ao século IV.

Beja volta assim a trajar-se a preceito para receber nos dias 2 a 4 de junho mais uma edição do Festival Beja Romana.

COMO NASCEU O VALIOSO E SINGULAR BARRANQUENHO?

Esta e outras questões encontrarão resposta no Congresso Internacional: "O barranquenho - ponte entre línguas e culturas: passado, presente e futuro" que decorre a 2 de junho em Barrancos.

O Barranquenho, falado em Barrancos, no Baixo Alentejo, resulta do contato entre o português meridional, ou alentejano com as variedades meridionais andaluzas e estremenhas, em Espanha.

PEIXE DO RIO E PÃO CELEBRADOS POR 3 DIAS EM MOURA

Moura, no Baixo Alentejo, organiza entre 9 e 11 de junho a 4.ª edição do Festival do Peixe do Rio e do Pão. O festival de 3 dias dinamiza o centro histórico daquela cidade e envolve associações e coletividades, as bandas e grupos musicais, artistas e artesãos, a comunidade educativa, o comércio local e toda a população.
 

NOVAS ESCAVAÇÕES EM TRÓIA "SOB O SIGNO DA FORTUNA"

O complexo arqueológico de Tróia, em Grândola, onde está o maior complexo industrial de salga de peixe do Império Romano conhecido, prepara-se para novas escavações que pretendem esclarecer a evolução daquele complexo industrial.

Imagem de marca de um dos mais apreciados produtos do Império, o "garum", um género de paté de peixe, Tróia tem até ao momento bem identificadas 27 oficinas de salga, apesar de só poderem ser visitadas 2.

Páginas