Está aqui

Internacional

EUROPA NOSTRA ABRIU CANDIDATURAS

Estão abertas as candidaturas para o Prémio União Europeia para o Património Cultural | Europa Nostra.

VINHOS ALENTEJANOS À CONQUISTA DO BRASIL

Rio de Janeiro, São Paulo e Curitiba – no Brasil - vão receber, em setembro, um roteiro de promoção internacional da região vitivinícola alentejana.

Um mercado enorme e em expansão no mundo dos vinhos como o Brasil é uma aposta forte da CVRA - Comissão Vitivinícola Regional Alentejana que convida o público brasileiro para descobrir os vinhos do Alentejo prevê três eventos distintos.

INTERCÂMBIO INTERNACIONAL EM MOURA

Desde quinta-feira passada, e até final do mês, Moura recebe 36 jovens de três países europeus ao abrigo do programa ERASMUS +.

Sob o lema “Um futuro definido pela troika… ou talvez não”, este intercâmbio internacional Erasmus+ surge de uma parceria entre a Câmara Municipal de Moura, e associações de outros três países – Espanha, Itália e Grécia.

NÃO PODEMOS SYRIZAR

A Europa e principalmente a zona Euro entraram numa nova fase a partir das negociações da última semana no que respeita à Grécia.

O meu primeiro artigo no Tribuna do Alentejo em Janeiro, foi sobre a vitória do Syriza na Grécia e as consequências do seu programa eleitoral. Estamos em meados de Julho e só passados estes meses todos parece que se fez fumo branco para os lados de Atenas e Bruxelas.

MANDELA DAY

Hoje, 18 de julho, é o Dia Internacional Nelson Mandela e o Tribuna Alentejo não podia ser indiferente a este dia.

Muitas vezes apelidado de “Madiba” – um nome usado por quem o seu clã nutre carinho e respeito - por todas as razões conhecidas já seria digno deste destaque e acontece que, por isso mesmo, a própria linha editorial do Tribuna Alentejo se cruza e revê no exemplo humano do líder sul-africano.

OLÁ E-DIESEL, ADEUS PETRÓLEO

“E-Diesel” é o nome que poderá revolucionar a indústria automóvel, bem como a economia à escala global.

Como o próprio nome indica, é um combustível, que está a ser desenvolvido pela Audi na sua fábrica de Dresden na Alemanha, em parceria com a empresa de energias alternativas Sunfire, e pode tornar-nos independentes dos combustíveis fósseis.

É feito de forma sintética, e é obtido através da separação do hidrogénio e oxigénio do vapor de água. O hidrogénio é depois colocado em reatores a alta pressão e temperatura, juntamente com dióxido de carbono.

"A COZINHA PORTUGUESA É A PIOR DO MUNDO"

Esta semana publicámos um artigo sobre o chef Nuno Mendes, que abriu um restaurante em Londres e que está a promover azeites e vinhos alentejanos, ao que sabemos com muito sucesso.

NÃO HÁ ESPAÇO PARA BAD BOYS

Os indícios estavam à vista para quem queria ver e começaram com o afastamento do ministro das Finanças grego das reuniões de negociação europeias.

Nem o próprio Varoufakis queria acreditar, sendo o primeiro a desmentir qualquer desentendimento ou afastamento das principais decisões do executivo e das reuniões com a Europa, mas a verdade é que quando este foi afastado das negociações, com a desculpa que seria melhor outra pessoa com um perfil mais diplomático e menos rígido nas posições, foi sem dúvida um indício forte do que estava para vir, acabando na sua inevitável demissão do cargo de ministro das Finanças, depois de todo o esforço pelas ideias e ideais do governo e do seu líder Alexis Tsipras.

CRASH NA BOLSA DE PEQUIM?

O Diário Económico on-line defende na sua edição de hoje que Pequim está incapaz de travar o colapso da sua Bolsa de Valores.

Empresas no valor de 1,27 biliões de euros já suspenderam a negociação dos seus títulos, numa altura em que a praça chinesa caiu 38,5% e em que alguns especialistas apontam para quedas de mais 35%, como é o caso da Oxford Economics, em declarações à CNN.

ALENTEJO BRILHA EM LONDRES

Abriu em Londres o novo restaurante do chef português Nuno Mendes.

O restaurante “Taberna do Mercado” pretende promover e impulsionar naquele mercado produtos e gastronomia nacional, e é aqui que entram os vinhos e azeites Alentejanos, que desde segunda-feira viram ser-lhes dado destaque.

"Temos de dar visibilidade ao produto português - ao vinho e aos azeites do Alentejo neste caso. É precisa uma força coletiva para ajudar e promover o nosso produto e temos de nos aliar para dar mais visibilidade", referiu o chef à Lusa.

Páginas