29 Agosto 2017      16:01

Está aqui

UM MADE IN ALENTEJO PARA OS MAIS PEQUENOS

O conceito chegou e está a afirmar-se como uma alternativa à oferta existente na cidade de Évora de festas e animação para os mais novos. Falamos do Festas D'Arrasar, uma marca criada por duas alentejanas que 

procura mudar o paradigma das festas infantis. Como? Com programas que respondam a diferentes faixas etárias de criaças e envolvendo os adultos na construção e dinâmica de cada festa.
 
Fomos conhecer a Maria de Jesus Florindo e a Marta Florindo, duas jovens eborenses ligadas à educação. A Maria é formada em 1.º ciclo do Ensino Básico e mestre em Ciências da Educação, e dedica-se a uma conhecida instituição de educação não formal que trabalha com seniores naquela cidade. A Marta é Educadora de Infância e o trabalho com as crianças é a sua missão de vida. No fundo este novo projecto empresarial é um complemento e extensão das suas próprias vidas profissionais.
Com um sorriso generoso explicam-nos que a ideia surgiu de uma necessidade que identificaram resultado da pouca oferta de serviços lúdicos para crianças na cidade que "realmente os ajude a celebrar a alegria da infância". 
 
Ouviram muita gente, avaliaram "detalhadamente" a oportunidade e desenharam metodicamente o projecto, que acabou de ver "a luz" muito recentemente. E se está a resultar, queremos saber. "Sim, sim, estamos entusiasmadas com os resultados destes primeiros meses", e sobretudo "divertimo-nos tanto como as crianças que cá vêm". A Maria esclarece-nos que "era preciso fazer diferente" e que as festas infantis habitualmente não dão algumas respostas às necessidades "por exemplo, das várias e diferentes faixas etárias de crianças", ou dos pais e outros familiares, a quem é "relegado o papel de mero observador" o que os impede de participar efetivamente na festa dos seus filhos.
 
E como se divertem os pequenos e familiares naquele espaço? Uma discoteca infantil, uma piscina de bolas, um trampolim, uma zona de leitura, uma zona de jogos de mesa, outra zona de jogos tecnológicos, uma casinha de brincar e um conjunto de insufláveis são as principais áreas do espaço que é complementado com uma zona de comidas, "onde os familiares podem ter uma panorâmica de tudo que acontece em todo o espaço".
 

 
A Marta explica-nos que "ao contrário de outras ofertas no mercado, temos todo o prazer em que os familiares e amigos também possam estar envolvidos nas festas dos mais pequenos, pois são parte integral das suas vidas." E nestas festas eles também participam.
 
Sublinhando o que as distingue enquanto projecto de diversão familiar, explicam que na sua oferta, além do aluguer do espaço também está disponível serviço de lanche, vários temas para festas e bolos decorados consoante o tema escolhido. A Maria acrescenta que "a nossa localização é privilegiada, tendo à disposição um parque de estacionamento, onde os pais e acompanhantes podem em segurança estar connosco, bem como rapidamente irem buscar e recolher as crianças" o que, com os problemas de estacionamento que se conhecem na cidade, é uma vantagem.
 
Queremos sempre saber porque vale a pena investir no Alentejo. A Maria e a Marta não têm dúvidas. "O Alentejo é a nossa casa. O nosso público é muito específico e fica agradado por trabalhar connosco. Para nós só faz sentido investir aqui."
 
E já têm planos para o futuro. "Para o futuro teremos ocupação de tempos livres de férias, cujo alvará estamos nesta fase a tratar de pedir junto das entidades competentes. A nossa preocupação passa sempre por garantir a segurança das crianças que estão connosco e proporcionar-lhes momentos inesquecíveis da sua infância." Uma missão que desempenham com gosto.

 

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.