22 Dezembro 2015      08:37

Está aqui

DO 8 AO 80 AO 8

"ECOS DA CONSCIÊNCIA"

2015 foi um ano de extremos negativos! Começamos em baixas com o atentado ao Charlie Hebdo em Paris. Incredulidade, espanto, revolta, indignação… Je suis Charlie Hedbo! O mundo solidarizou-se neste mote. A liberdade de expressão foi posta em causa, consciencializando-nos sob o quão frágil podemos ser!

Mais uma vez Cristiano Ronaldo foi o melhor jogador do mundo!

O avião da Germanwings despenha-se por vontade própria do piloto, sem deixar sobreviventes!

Estado Islâmico, Estado Islâmico, Estado Islâmico, Estado Islâmico, Estado Islâmico…

Uma grande perda para Portugal: Morreu Manoel de Oliveira aos 106 anos!

Migrantes, Migrantes, Migrantes, Migrantes… Vêm 3000 para Portugal, que afinal são 5000, mas que afinal só vem 50 – ninguém sabe, ninguém percebe! O espanto é como é que se deixam estas pessoas fazer travessias marítimas sem o mínimo de dignidade humana e morrem aos milhares! Espanta-me “o conceito Europa” nada fazer!

Portugal foi a votos para o novo executivo. Parece que a tradição já não é o que era e foi indigitado uma “coligação à esquerda”, derrotando assim a vencedora coligação da direita. A Constituição permite, então vamos lá brincar mais um bocadinho com os portugueses! Veremos as cenas dos próximos capítulos!

José Sócrates, ex-primeiro ministro de Portugal, saiu da prisão, quase um ano depois, sendo que da acusação nada se sabe, apenas especulação, muita especulação nos meios de comunicação social! Seria interessante depois desta odisseia/epopeia provar-se alguma coisa…

O escândalo da Volkswagen, foi um assunto que também fez correr muita tinta, a verdade é que os consumidores foram enganados, os Estados foram enganados e principalmente o ambiente, pois este sim, sofreu “na pele” as consequências desta pequena alteração de software a que chamaram “fraudulento”. As acções baixaram, e pediram desculpas aos consumidores, vão chamar os veículos abrangidos às oficinas… E que mais?? Pelos vistos, mais nada!

Mais um voo que fazia a travessia entre o Egipto e a Rússia caiu, isto é foi abatido – diz-se – não havendo no entanto, sobreviventes!

Os atentados de Paris, no Le Bataclan encerram o ano de atentados, de Estado Islâmico, de mortes de civis inocentes, de seres humanos. Um ano de barbaridades conjuntas em que o “80” que falo no início soube a muito pouco e vivemos no 8 ou mesmo abaixo. O ano ainda não acabou, mas espero que tenha acabado de notícias estrondosas que nos paralisam de incredulidade.

Ontem foi o dia mais curto do ano e a noite que passou a mais longa, mas o solstício apenas entrou hoje pelas 04:48 da manhã. O início do Inverno, a chegada da luz, que nos trás esperança para um 2016 que se avizinha negro, sob vários pontos de vista! Os dias vão crescer e a esperança vai certamente iluminar-nos e guiar-nos a dias melhores, mais luminosos e felizes. Que 2016 traga a todos aquilo que mais desejarem, e sabendo que desejar a paz no mundo é pedir o impossível, desejo apenas uma réstia de luz e de esperança para alcançar dias melhores.

Adeus 2015…

 

 

Imagem daqui

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.